A Ponte de Integração está a pouco mais de 30 dias de passar por um rigoroso teste de carga para cumprir a avaliação estrutural. Este teste é de grande importância pois determinará o bom funcionamento da ponte.

O assessor da Diretoria de Coordenação da Itaipu, engenheiro Pánfilo Benítez, afirma que o teste está previsto para ser realizado no final de novembro.

“Esse procedimento leva tempo, primeiro você tem que fazer todo o asfaltamento, instalar as grades, protetores, sistema de iluminação, entre outros detalhes, e depois fazer o teste de carga”.

Benítez especificou que, de acordo com o protocolo de engenharia civil, o empreiteiro deve realizar este teste após a conclusão da obra, essa será a última etapa antes da entrega da obra.

Cuidado do meio ambiente

Em outro momento da entrevista, o assessor da Diretoria de Coordenação, que acompanha a obra na zona de construção, comentou que a construção da Ponte de Integração utiliza um sistema único em termos de drenagem pluvial e segue as diretrizes de cuidado com o meio ambiente que caracterizam os trabalhos realizados pela Binacional.

“É o primeiro projeto no Paraguai de uma ponte dessa magnitude com um sistema de drenagem pluvial que coleta toda a água que cai na via da ponte. Terá um grande tubo que levará a água para um decantador abaixo da estrutura, onde a parte contaminada será retirada e a água limpa irá para o rio”, explicou.

Com informações da Assessoria PY.

Comentários

Deixe a sua opinião