No verão, é comum aparecer animais peçonhentos dentro de casa, e muitas vezes, esses animais podem trazer risco à saúde dos moradores, visto que podem ser venenosos. E o que fazer em acidentes?

Nós entramos em contato com a equipe do CCZ de Foz do Iguaçu, onde o Wagner Fabiano de Oliveira, Coordenador do Programa de Manejo da Fauna Sinantrópica Nociva respondeu algumas dúvidas sobre o que fazer se encontrar animais peçonhentos dentro de casa.

Nesta época do ano, quais os animais mais comuns que os iguaçuenses acham dentro de casa? Por quê?

Em geral a atividade de animais peçonhentos aumenta em épocas mais quentes do ano, principalmente devido a maior oferta de alimentos, mais abundantes e disponíveis de forma mais acessíveis em ambientes urbanos nesses períodos.

O que fazer caso achar algum “desses animais”?

Deve-se entrar em contato com o CCZ para que seja feito o manejo (se necessário), recolhimento/captura para identificação, inspeção no local e as orientações relacionadas as melhorias que podem ser implantadas no ambiente onde o animal foi encontrado.

Caso seja picado, o que fazer?

Ir até uma unidade de pronto atendimento para atendimento médico (se possível levar uma foto do animal e/ou recolher a maior número de características sobre o animal e o local onde ocorreu o acidente, caso tal ação não atrase a ida do paciente ao atendimento médico).

Caso seja picado e não sinta na hora (em caso de aranha) sinta apenas horas depois, como identificar por exemplo, qual aranha foi?

Os acidentes causados por animais peçonhentos devem ser tratados após análise da assistência médica, através do quadro clinico que a vitima apresenta, portanto, qualquer situação dessa natureza deve ser encaminhada para o atendimento médico.

E o que nunca fazer? (se for em relação aos acidentes, segue resposta)

  • Não passar nenhuma substância ou medicação no local da picada, apenas lavar com água e sabão;
  • Em nenhuma hipótese tentar retirar, drenar ou “chupar” o veneno. Essa manobra não funciona e aumenta o risco de infecções;
  • Não amarre (torniquete) o membro acometido e, muito menos, corte e/ou aplique qualquer tipo de substancia (pó de café, álcool, entre outros) no local da picada;
  • Em acidentes nas extremidades do corpo, como braços, mãos, pernas e pés, retire acessórios que possam levar à piora do quadro clínico, como anéis, fitas amarradas e calçados apertados.
  • A vitima do acidente deve ficar o mais calma possível, para que o sangue não circule de forma mais acelerada e espalhe o veneno rapidamente.

Quais os lugares da casa onde os animais peçonhentos costumam ficar?

Em Foz do Iguaçu, escorpiões de importância em saúde infestam sistemas domésticos de esgoto, portando, os locais onde esses animais aparecem com maior frequência, no interior de residências, são; banheiro, área de serviço e cozinha, por vias de acesso como ralos e pias.

A principal aranha de importância em saúde em Foz do Iguaçu, a Armadeira (Phoneutria sp.), aparece com maior frequência no peridomicílio (quintal, pátio), geralmente abrigadas durante o dia em entulhos, madeiras/telhas em desuso, etc.

Colmeias podem se estabelecer em vários pontos em uma edificação, nossos registros indicam a predominância de beirais dos imóveis como principal abrigo.   

Quais os cuidados que as pessoas precisam ter?

Usar luvas de raspa de couro e calçados fechados, entre outros equipamentos de proteção individual (EPI), durante o manuseio de materiais de construção (tijolos, pedras, madeiras e sacos de cimento); transporte de lenhas; movimentação de móveis; atividades rurais; limpeza de jardins, quintais e terrenos baldios, entre outras atividades;

Inspecionar calçados, roupas, toalhas de banho e de rosto, roupas de cama, pano de chão e tapetes antes de usá-los;

Afastar camas e berços das paredes e evitar pendurar roupas fora de armários;

Não mexer em colmeias e vespeiros. Caso estejam em áreas de risco de acidente, contatar o CCZ para a remoção;

Não colocar as mãos em tocas ou buracos na terra, ocos de árvores, cupinzeiros, entre espaços situados em montes de lenha ou entre pedras. Caso seja necessário mexer nesses lugares, usar um pedaço de madeira, enxada ou foice;

Olhar sempre com atenção o local de trabalho e os caminhos a percorrer, principalmente ao adentrar em locais de vegetação densa (trabalhos na área rural, atividade de pesca em rios, etc).

É perigoso para os animais de estimação também?

Apesar de pouco notificado, animais de estimação também estão suscetíveis aos acidentes causados por animais peçonhentos, e caso aconteçam, deve-se levar o animal para atendimento veterinário.  

O que fazer para evitar que esses bichos apareçam?

  • Não depositar ou acumular lixo, entulho e materiais de construção junto às habitações;
  • Vedar frestas e buracos em paredes, assoalhos, forros e rodapés;
  • Utilizar telas, vedantes ou sacos de areia em portas, janelas;
  • Utilizar dispositivos que impeçam o acesso por ralos e pias;
  • Manter limpos os locais próximos das residências, jardins, quintais;
  • Controlar roedores existentes na área e combater insetos, principalmente baratas (são alimentos para escorpiões e aranhas);
  • Limpar terrenos baldios, pelo menos na faixa de um a dois metros junto ao muro ou cercas.

Em 2021, quantas ocorrências o CCZ teve em relação aos animais peçonhentos?

SITUAÇÃOATENDIMENTOS
MANEJO DE HIMENÓPTEROS (abelhas africanizadas, vespas, marimbondos)849
SITUAÇÕES ENVOLVENDO ARANHAS79
SITUAÇÕES ENVOLVENDO ESCORPIÕES642
SITUAÇÕES ENVOLVENDO SERPENTES93
ACIDENTES NOTIFICADOS363

Tem alguma região de Foz onde predomina as ocorrências?

  • Escorpiões: Existem áreas de ocorrência de escorpiões de importância em saúde que são monitoradas e foram definidas através do histórico de chamados (demanda espontânea da população), ações de vistoria ambiental realizada pelos servidores do CCZ e das notificações de acidentes.
  • Serpentes peçonhentas: áreas periféricas da cidade, principalmente em áreas de preservação permanente dos rios.
  • Abelhas, vespas e marimbondos: ocorrem por toda a cidade.
  • Aranhas: ocorrem por toda a cidade.

Comentários

Deixe a sua opinião