Duplicação da rodovia das Cataratas tem início nesta quinta-feira (29) e prossegue até março de 2024, com presença de maquinário e funcionários na BR-469.

Neste primeiro momento serão executados os serviços de limpeza de camada vegetal próxima à rodovia, onde será implantada a nova pista, bem como levantamentos iniciais. A frente de trabalho estará concentrada próximo ao acesso ao Aeroporto Internacional de Foz do Iguaçu.

Devido à presença de maquinário e funcionários no trecho, é necessário prestar atenção redobrada ao trânsito, obedecendo a sinalização provisória disponível.

O investimento para a duplicação da Rodovia das Cataratas será de R$ 129.663.982,03 para duplicar o trecho de 8,7 quilômetros, entre o trevo de acesso à Argentina e o portão de entrada do Parque Nacional Iguaçu. Também serão implantadas vias marginais, passeios, ciclovia, uma nova ponte sobre o Rio Tamanduá, passa-faunas, iluminação com LED e quatro viadutos.

duplicacao-av-das-cataratas
Foto: Geraldo Bubniak/AEN.

O prazo de execução é de 18 meses, período durante o qual também será executada a restauração e manutenção do pavimento existente da BR-469, bem como melhorias na faixa de domínio da rodovia.

A duplicação é resultado da parceria entre Governo do Paraná, governo federal e a Itaipu Binacional.

Com informações do Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER/PR).

Comentários

Deixe a sua opinião