Ontem (02/08), uma reunião entre membros da Associação das Empresas de Transporte Público de Ciudad del Este (Asetrapac) e a Câmara Municipal decidiu pela continuação da paralisação que começou na segunda-feira do dia 25 de julho. Os vereadores prometeram considerar o aumento da passagem para 5.000 guaranis em uma sessão ordinária ainda hoje.

Com essa declaração, os cidadãos de Ciudad del Este aguardam o resultado da sessão para saber se a movimentação das autoridades será em favor do setor privado ou da população. Atualmente, o preço da passagem é 3.500 guaranis e segundo os passageiros, um aumento nessa tarifa não seria justificável de acordo com os serviços prestados pela companhia.

Entretanto, os empresários afirmam que o aumento no preço dos combustíveis e o fluxo nas linhas interurbanas já coloca o valor da passagem no que foi pedido pelos mesmos. A solicitação feita pelo setor privado já havia sido negado pelas autoridades públicas anteriormente, em decorrência de uma séria de irregularidades encontradas nos transportes públicos.

Apesar de nada ser oficial, ao que parece, os empresários do ramo estão comprometidos em realizar as melhorias necessárias no serviço prestado em troca do aumento da passagem. Até o momento, os vereadores ainda não divulgaram sua decisão.

Fonte: La Clave



Comentários

Deixe a sua opinião