Primeiramente, é indicado que o passageiro faça seu check-in online, pois assim economiza tempo e evita filas. Verifique as condições do seu bilhete e leve todos os documentos exigidos pelo destino.

Chegar ao aeroporto com antecedência também ajuda a evitar imprevistos, em especial devido às obras que estão acontecendo na Rodovia das Cataratas. Para voos nacionais, o ideal é que os passageiros cheguem com duas horas de antecedência ao aeroporto, já para voos internacionais o recomendado são três horas de antecedência. É importante conferir a documentação exigida para viagem, tirando as dúvidas com a companhia aérea que for embarcar.

Além disso, é importante se certificar sobre as regras de bagagem, para não transportar nenhum objeto que não seja permitido, como objetos cortantes ou perfurantes (canivetes e tesouras de unha, entre outros) e substâncias explosivas, inflamáveis ou tóxicas, dentre outros itens proibidos.

“Considerando que o aeroporto encontra-se na Tríplice Fronteira, as autoridades brasileiras realizam inspeção especial nas bagagens, verificando a existência de itens provenientes de descaminho ou contrabando, além de drogas, armas e explosivos”, diz Marcius Moreno, Gerente Executivo da CCR Aeroportos.

Para voos internacionais, os recipientes com géis, pastas, cremes, aerossóis e similares, precisam estar em frascos com capacidade de até 100 ml cada e todos os frascos deverão ser colocados em uma embalagem plástica transparente, que possa ser fechada, contendo capacidade máxima de 1 litro.

A embalagem plástica deverá ser apresentada para inspeção visual no ponto de inspeção de embarque de passageiros, sendo permitida somente uma embalagem plástica por passageiro. O limite de quantidade acima não se aplica a artigos medicamentosos com a devida prescrição médica (receita). A alimentação de bebês e líquidos de dietas especiais, na quantidade necessária a serem utilizados no período total de voo, incluindo eventuais escalas, devem ser apresentados no momento da inspeção.

Perfumes, bebidas e outros líquidos adquiridos nas lojas do aeroporto precisam estar lacrados e com nota fiscal. “Como a Tríplice Fronteira é muito procurada para o turismo de compras, é importante estar atento a algumas determinações: o valor máximo de compras transportadas é de 500 dólares. E bens de valor superior a R$5 mil precisam estar declarados, junto à companhia aérea. O ideal é que, em caso de dúvidas, os passageiros sempre consultem a empresa aérea”, comenta Moreno.

“É essencial que os passageiros sigam essas normas, sem exceção, para que eles não tenham nenhuma adversidade na hora de realizar o embarque, e principalmente, para evitar que haja perda de voos ou atrasos”, conclui Moreno.  

A CCR Aeroportos lembra ainda que os passageiros devem ficar atentos à importância do uso correto da máscara, que voltou a ser obrigatória nos aeroportos e aeronaves, conforme decisão da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) em vigor desde 25 de novembro deste ano. A CCR Aeroportos segue todas as orientações e protocolos das autoridades de saúde e da Agência de Aviação Civil (Anac), a fim de que todos se sintam seguros para voar e circular em seus aeroportos.

Informações adicionais

Para garantir uma experiência com maior conforto, o Aeroporto Internacional de Foz do Iguaçu oferece wi-fi gratuito de alta velocidade, sem limite de uso. Para os passageiros que vão fazer embarque doméstico, há Salas VIPs disponíveis e ótimas opções de alimentação. Além disso, o aeroporto também tem uma parceria com a Rápidocar, aplicativo de mobilidade urbana, que oferece serviço de transporte para os passageiros que desembarcarem na cidade.

Movimentação no Aeroporto

Desde o dia 15 de dezembro de 2022 até o dia 6 de janeiro de 2023, mais de 160 mil passageiros devem embarcar e desembarcar no Aeroporto Internacional de Foz do Iguaçu. A estimativa da CCR Aeroportos prevê ainda que, entre pousos e decolagens, são esperadas mais de mil operações no período citado.

Espaço Institucional.

Comentários

Deixe a sua opinião