Colégio Sesi Internacional - display portal

A vida de gestores de hotéis é sempre muito movimentada. E com Kenji Takao não é diferente. Natural de Manaus (AM), desde pequeno ele sabia que profissão queria seguir. “Sempre quis a hotelaria, pois em Manaus havia o icônico hotel Tropical Manaus, com cerca de mil apartamentos. O hotel possuía heliporto, porto e zoológico. Era um cartão-postal da cidade e um local que todo mundo queria frequentar. Então, como eu frequentava o hotel com meus pais, meu sonho sempre foi trabalhar lá.”

Kenji Takao - gerente Wish Foz

E assim aconteceu. Kenji se dedicou aos estudos, estudou japonês e inglês, fez intercâmbio de três anos no Japão e Austrália, e voltou a Manaus para concluir a faculdade de administração. Pronto para começar a carreira, conseguiu o emprego no Tropical, inicialmente trabalhando na parte de recepção; isso aos 21 anos. Ao longo dos quatro anos em que atuou lá foi crescendo dentro do hotel e saiu como gerente de Hospedagem. De lá foi para um programa de training da ACCOR que forma gerentes-gerais.

Com isso, seu primeiro trabalho como gerente-geral foi em Belém, aos 29 anos. Além disso, ele atuou em vários outros hotéis importantes do país e também teve experiências no exterior. Mas sabia que um dia desembarcaria na Tríplice Fronteira.

“Como o Hotel das Cataratas na época fazia parte da Rede Tropical, eu sempre almejei vir a Foz do Iguaçu. Então a primeira vez que estive aqui foi a passeio em 2011, depois voltei para trabalhar no Mabu e, em janeiro deste ano, assumi a gerência-geral do Wish Foz do Iguaçu.”

Wish Foz do Iguaçu

Isso porque uma das experiências mais marcantes na carreia de Kenji foi trabalhar em um hotel-butique no Rio de Janeiro, o Yoo2, que tem uma característica particular com rooftop, DJs e a presença de artistas que movimentam o empreendimento. Isso o levou ao GJP Hotels & Resorts, grupo do qual faz parte o Wish Foz do Iguaçu. Kenji trabalhou três anos no Prodigy, o maior hotel da Rede GJP. E então de lá veio para Foz do Iguaçu com a missão de comandar o Wish.

“Eu já queria vir para cá. Dentro da GJP, que tem dez hotéis, eu sempre almejei vir para Foz do Iguaçu. Porque esse hotel é diferenciado. E no momento certo cheguei aqui. Fui muito bem recebido porque os iguaçuenses são muito receptivos.”

Missão no Wish Foz do Iguaçu

Kenji conta que um dos pilares do Wish Foz do Iguaçu é a gastronomia, assim como o bem-estar, entretenimento e design. “Eu vim com esse intuito de alavancar cada vez mais as experiências, tanto gastronômicas como experiências dentro do resort, seja uma trilha, aromaterapia, café da manhã na varanda do hotel com vista para o campo de golfe, um piquenique no campo de golfe, almoço no jardim secreto sob as árvores… enfim, uma infinidade de produtos que temos aqui, sempre pensando em inovar, melhorar o que já tem e continuar o excelente trabalho que o Alexander fez.”

Wish Foz do Iguaçu

O gerente explica que outro objetivo é manter a estrutura de paisagismo e a arquitetura do hotel sempre nova, impecável, para proporcionar experiências sensoriais aos hóspedes.

Luxo acessível

Quem já visitou o Wish sabe que o local é extremamente encantador. A grande área verde misturada à arquitetura imponente do hotel propicia charme e sofisticação. E o desejo da marca é que as pessoas possam usufruir cada detalhe do hotel, estando ou não hospedadas.

Para isso, o Wish Foz do Iguaçu realiza uma infinidade de eventos gastronômicos como forma de integrar a sociedade ao hotel. E, apesar de no momento não ser possível promover os eventos sociais que já fazem parte do calendário da cidade, como o Sunset, Kenji destaca que quando for possível esses eventos voltarão a acontecer. “Com certeza os eventos continuarão acontecendo, muita gente me cobra isso, e assim que acabarem os decretos e a pandemia acalmar voltaremos, porque eles estão dentro do nosso portfólio, são eventos que deram certo e que os iguaçuenses gostam muito.”

Wish Foz do Iguaçu

Enquanto os grandes eventos seguem em pausa, há muitas outras opções no hotel. Um dos produtos inovadores do Wish é o Mesa para Dois. A cada noite, apenas um casal tem a exclusividade de degustar um menu surpresa preparado pelo chef da casa em um dos locais icônicos do hotel, tudo com uma decoração especial, música ambiente e o romantismo que um jantar a dois proporciona.

Wish Foz do Iguaçu

Há também muitas atividades de lazer para realizar em família, como um passeio de bicicleta pelo campo de golfe, um piquenique no gramado, a contemplação do pôr do sol com vista para o campo de golfe e toda a estrutura de recreação para crianças e adultos, com foco no descanso.

“O Wish tem uma caraterística muito particular que são as casas com piscina privativa, para aquelas pessoas que querem privacidade. Além disso temos os redários, quadras de esportes, um espaço de recreação para as crianças, dois restaurantes temáticos e o restaurante principal. E nossa intenção é continuar proporcionando experiências aos nossos hóspedes e à comunidade, pois queremos um hotel aberto à sociedade, um hotel acessível, para que as pessoas possam usufruir dos nossos produtos.”

Wish Foz do Iguaçu

Fotos: Assessoria Wish Resort

Formada em Jornalismo na UDC e pós-graduada em Relações Internacionais Contemporâneas na Unila, atualmente é jornalista da 100fronteiras e recentemente conquistou pela 100fronteiras o primeiro lugar no 1º Prêmio Faciap de Jornalismo.

Comentários

Deixe a sua opinião