Search

Turismo de Itaipu é finalista do prêmio WTM Latin America Responsible Tourism Awards

A indicação foi feita pelo principal evento mundial do setor de viagens e turismo da América Latina. Premiação será em São Paulo, no fim do mês.

Premiado internacionalmente, o turismo de Itaipu é um dos finalistas do prêmio WTM Latin America Responsible Tourism Awards na categoria “Melhor destino para o turismo responsável”. Para o diretor-geral brasileiro de Itaipu, Joaquim Silva e Luna, “essa indicação reforça a importância da usina investir no setor turístico – vocação natural de Foz do Iguaçu e região – e demonstra o nosso grande potencial como atrativo”. 

O prêmio é uma das mais importantes referências em turismo responsável para o mundo e reconhece os melhores esforços pelo desenvolvimento do setor.

A partir deste ano, o Complexo Turístico Itaipu vai passar por uma revitalização completa, que prevê melhoria de infraestrutura e embelezamento dos roteiros de passeios. “Queremos oferecer o que há de melhor tanto para os nossos moradores quanto para os turistas que nos visitam”, comenta Silva e Luna. O turismo da usina é administrado pelo Parque Tecnológico Itaipu (PTI) em parceria com a Comunicação Social da Itaipu.

A cerimônia de premiação com o anúncio do resultado ocorre no dia 31 de março durante a 8ª edição da WTM Latin America Responsible Tourism Awards, em São Paulo. O evento prossegue até 2 de abril. São esperados para o encontro nove mil visitantes influentes e 600 empresas expositoras.

Com alto alcance global e palestrantes reconhecidos mundialmente, o evento business-to-business promove a primeira edição da WTM Latin America Responsible Tourism Awards.

Para essa edição de estreia do prêmio, foram selecionadas quatro categorias com os temas: Melhor em redução da pobreza e inclusão, Melhor atração do patrimônio cultural, Melhor contribuição para a preservação da vida selvagem e a de Melhor destino para o turismo responsável, no qual o Turismo Itaipu é finalista. 

São finalistas das quatro categorias WTM Latin America Responsible Tourism Awards 2020:

 

  • Awake Travel (Colombia)
  • Awamaki (Peru)
  • Complexo Turístico Itaipu (Brasil)
  • Corredor Turístico Pájaros Pintados (Uruguai)
  • Expediciones Sierra Norte, Pueblos Mancomunados (Mexico)
  • Fundación Teatro del Lago (Chile)
  • Instituto Costarricense de Turismo (Costa Rica)
  • La Mano del Mono (Mexico)
  • Puntacana Resort & Club (República Dominicana)
  • Reserva Biológica Huilo Huilo (Chile)
  • Sitios WAO (Venezuela)
  • Travolution (Chile)
  • WorldVentures Foundation (EUA – com projetos na Nicarágua)
  • Brasil Food Safaris (Brasil)

 

Outras informações no site

https://latinamerica.wtm.com/events/WTM-Latin-America-Responsible-Tourism-Awards-/ 

 

Movimento cresce

Agora em fevereiro, o movimento de turistas nos atrativos de Itaipu registrou um crescimento de quase 25% na comparação com o mesmo período de 2019. Ao todo, foram 45.163 turistas ante 36.222 no mesmo período do ano passado. 

Mais de 23,8 milhões de 209 países

Desde o início da visitação, em 1976, já passaram por Itaipu mais de 23,8 milhões de turistas de 209 países. Em 2019, o turismo de Itaipu bateu o recorde anual de visitação: 1,028 milhão de turistas conheceram de perto a maior usina hidrelétrica do mundo em geração de energia limpa e renovável.

Seis passeios

O Complexo Turístico Itaipu (margem brasileira) conta, atualmente, com seis passeios. Em “Itaipu Especial”, o visitante faz um percurso no coração da usina, conhecendo áreas internas e externas. O passeio mais popular, “Itaipu Panorâmica”, é a bordo de ônibus double-decker que leva os visitantes por um passeio pelos ângulos mais impressionantes de Itaipu.

“Itaipu Iluminada” é uma chance de ver a usina de uma forma diferente, à noite, num show de luzes de tirar o fôlego. O turista que opta pelo passeio “Itaipu Refúgio Biológico” conhece a unidade de proteção ambiental da Itaipu, criada para preservar a fauna e a flora durante a formação do reservatório da usina. A experiência é ampliada com aprendizado sobre o meio ambiente.

Moradores de Foz do Iguaçu e de municípios próximos possuem gratuidade em alguns passeios. Conheça mais sobre a visitação, horários e valores em www.turismoitaipu.gov.br

Outro prêmio

Em 2015, o Complexo Turístico Itaipu foi o único vencedor do Brasil na categoria Pesquisa, Tecnologia e Inovação da 12ª edição do Prêmio de Excelência e Inovação do Turismo. A premiação, concedida pela Organização Mundial do Turismo (OMT), ligada à Organização das Nações Unidas (ONU), é a mais importante do planeta no setor. A honraria foi concedida pela atuação do CTI como promotor do desenvolvimento territorial.

Na época, o fato de ser administrada por uma fundação e de a receita captada ficar na sua região pesaram na escolha, assim como a geração de 250 empregos e a qualidade dos serviços oferecidos aos visitantes. Outro ponto decisivo foi o investimento do recurso excedente da operação em um fundo tecnológico de fomento da educação, ciência, tecnologia, inovação e empreendedorismo da Fundação Parque Tecnológico Itaipu (FPTI).

A Itaipu

Com 20 unidades geradoras e 14 mil MW de potência instalada, a Itaipu Binacional é líder mundial na geração de energia limpa e renovável, tendo produzido, desde 1984, 2,7 bilhões de MWh. Em 2016, a usina brasileira e paraguaia retomou o recorde mundial anual de geração de energia, com a marca de 103.098.366 MWh. A hidrelétrica é responsável pelo abastecimento de aproximadamente 15% de toda a energia consumida pelo Brasil e de 90% do Paraguai.

Participe da Comunidade 100fronteiras

Os membros nos ajudam a fazer as coisas que amamos, como conectá-lo a comunidade trinacional e mantê-lo atualizado. Junte-se a 100fronteiras para apoiar o nosso trabalho.



Deixe um comentário e participe da Comunidade 100fronteiras