Colégio Sesi Internacional - display portal

Em 2020, o mundo todo parou para acompanhar e torcer pelos avanços da ciência. Em um ano como este, o Parque Tecnológico Itaipu (PTI-BR) não poderia abrir mão da realização da Feira da Inovação das Ciências e Engenharias (FIciencias). Em um modelo adaptado e totalmente virtual, a 9ª edição do evento que estimula jovens a colocar a ciência em prática teve início nesta segunda-feira, 07. 

Na versão virtual, todos vão poder acompanhar as apresentações dos trabalhos dos estudantes, em playlists por área do conhecimento. Até quinta-feira, 10, a FIciencias conta ainda com uma programação de palestras. Com especialistas em temas relacionados a inovação, tecnologia e empreendedorismo. A feira termina na sexta-feira, 11, às 14h, quando serão divulgados os projetos premiados. 

O diretor superintendente do Parque Tecnológico, General Eduardo Garrido, deu as boas-vindas e desejou sucesso aos estudantes que participam da 9ª edição da FIciencias. Segundo Garrido, o desenvolvimento dos trabalhos apresentados pelos alunos permitiu que eles pudessem colocar em prática a inovação, a criatividade, o conhecimento e o interesse pela ciência.

Foto: Kiko Sierich/PTI.
Foto: Kiko Sierich/PTI. 

“Nosso objetivo é seguir fomentando a adesão dos jovens nessas áreas tão importantes, visando um futuro de empreendedorismo e inovação”, destacou. 

O diretor técnico do PTI, Rafael Deitos, evidenciou o esforço da organização da FIciencias para transformar um evento de grande porte. Que atrai pessoas de toda a região para a troca de conhecimento relativo à produção científica. Em uma versão virtual, “sem perder a essência de integração”

A coordenadora da FIciencias pelo PTI, Andrei Pavei, avaliou que as reflexões sobre a pandemia do coronavírus evidenciaram a importância da ciência e da pesquisa para a humanidade. “Esse é o grande objetivo da FIciencias, plantar o interesse pela pesquisa e pelas ciências nas crianças e jovens e, com certeza, futuramente colheremos os resultados”

Foto: Kiko Sierich/PTI.
Foto: Kiko Sierich/PTI. 

A representante do comitê gestor da FIciencias, Graciela Heep, comentou que os jovens que aceitaram o desafio de participar desta edição da feira poderão ser os cientistas do futuro. “É importante manter a feira e estimular isso desde jovem, para que eles criem essa cultura de pesquisa”, disse. 

Compõem o comitê a Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), Universidade da Integração Latino-Americana (Unila),  Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS), Universidade Estadual de Maringá (UEM), Universidade Estadual de Londrina (UEL) e Universidade Estadual do Centro-Oeste).

A organização do evento é feita pelo PTI em parceria com a Itaipu Binacional. 

Programação 

A programação da FIciencias 2020 foi aberta com a palestra do gerente de novos negócios da empresa 3M, Carlos Camargo. Que falou aos estudantes e público que acompanhavam a transmissão pelo Youtube sobre alguns “ingredientes” da inovação. Com exemplos práticos de como são implementados no dia a dia das empresas e indústrias. 

Ao todo, foram selecionados mais de 50 projetos de alunos do 8º ou 9º ano do ensino fundamental, ensino médio, ensino técnica ou cursos de educação de jovens e adultos em níveis equivalentes. A exposição desses trabalhos é virtual, em vídeos de até cinco minutos. Que foram divididos em playlists por áreas de conhecimento. São elas: Ciências Humanas, Exatas e da Terra, Biológicas, Agrárias, Sociais Aplicadas, Saúde e Engenharias. 

As apresentações estão disponíveis ao público via Youtube da FIciencias. Entre esta segunda e sexta-feira, 11, os projetos serão avaliados pelas comissões técnica e científica do evento. Composta por representantes de instituições de ensino superior e técnicos do Parque Tecnológico. 

Confira a programação da FIciencias 2020: 

• 08/12 (terça-feira):14h – A Internet das Coisas e Outras Coisas – Linnyer Beatryz Ruiz Aylon – presidente da Sociedade Brasileira de Microeletrônica. 19h – Empreendedorismo Periférico – Vinicius Mendes Lime – Agência Besouro.
• 09/12 (quarta-feira):14h – Cultura Maker e o Mercado de Trabalho – Elifas Fernandes Gorgonho Farias – Diretor da Matita Tecnologia Educacional. 19h – O Ser Cientista e sua Sensibilidade de Conhecer e Admirar o Mundo – Um Olhar Sobre a Metodologia Científica – Jacieli Lyra – Doutoranda em Educação na Universidade Estadual de Maringá.
• 10/12 (quinta-feira):14h – Competências para o Profissional do Futuro – Juliano Hoesel – Sócio-consultor da Ponte Consultoria em Desenvolvimento. 19h – Mulheres na Ciência – Nathalie Danree Busti – Engenheira no Centro de Competência em Energias Renováveis do PTI.
• 11/12 (sexta-feira):14h – Encerramento e divulgação dos projetos vencedores da 9ª edição.

 
Fotos: Kiko Sierich/PTI. 

Comentários

Deixe a sua opinião