Hoje dia 10 de setembro (quinta-feira), é comemorado o 119º aniversário de Puerto Iguazú (AR). Esse município que faz fronteira com Foz do Iguaçu (BR), tem nossa eterna gratidão aos “hermanos”, pois juntos fazemos – em tempos normais – movimentar o turismo e a economia de ambos locais. É impossível conhecer alguém antes da pandemia que veio a Foz e não deu uma passadinha em Puerto Iguazú, seja para jantar, jogar nos cassinos ou comprar iguarias e vinhos premiados.

Na data de hoje a DHPC (Diretoria de Patrimônio Histórico e Cultural de Iguazú), está lançando a hashtag: #Iguazú119años, que tem a intenção de unir postagens em redes sociais, com fotos e memórias da população argentina

E por conta do momento atual que todo o mundo está passando, a comemoração na data de hoje foi reduzida, assim só participaram da cerimônia: autoridades municipais, forças vivas, instituições consulares, educacionais, religiosas, totalizando aproximadamente 25 pessoas. O evento foi realizado no Marco Fundador localizado na Avenida Costanera Eduardo Arrabal. O ato oficial foi transmitido via o facebook do Município de Puerto Iguazú.

Marco Fundador

Curiosidade

Juan José Raynoldi que é o atual Presidente do Conselho Deliberativo, contou a Radio Iguazú que a data que se comemora o aniversário de Puerto é a data aproximada da fundação de Puerto Iguazú, se referindo a chegada dos primeiros grupos de turistas a Puerto Iguazú.

Reprodução: lavozdecataratas.com

A história conta que no inicio de 1901 o governador Lanusse viajou a Buenos Aires para ingresar a companhia marítima Mihanovich, pela promoção turística das Cataratas (descobertas por Alvar Nuñez Cabeza de Vaca em 1541 mas habitadas apenas por indígenas até 1880).

Assim, em agosto de 1901, a primeira excursão turística às Cataratas do Iguaçu chegou a Puerto Iguazú no navio Espanha, sob o comando da capital Jordan Hummel, trazendo um grupo de turistas deste navio atracado no porto local.

 O contingente viajou por trilhas na selva até as Cataratas. E entre os viajantes destacou-se Miss Victoria Aguirre, que, face ao insucesso da excursão por falta de estradas, doou 3.000 pesos, que se somaram a outros 5.000 aportados pelos Srs. Gibaja e Nuñez (interessados ​​em promover a chegada de turistas), serviu para abrir a estrada por terra entre Puerto Iguazú e as Cataratas. Este instalou posteriormente o primeiro hotel da zona, uma construção precária de madeira. Em 1915 foi construído o primeiro edifício de correio e telégrafo.

Esta data, que marcou o início da atividade turística de Iguaçu foi reivindicada pela comunidade de Iguaçu como sua data de fundação em homenagem a Vitória Aguire, que mais tarde se tornou uma espécie de protetora e promotora do crescimento do turismo e da população.

A Rádio Cataratas contou também que de 1901 até os dias atuais a cidade de Puerto Iguazú teve alteração em sua nomenclatura passando por: Puerto Aguirre e Puerto Eva Perón. O nome Puerto Iguazú se dá, por ser um porto ás margens do Rio Iguaçu que hoje vem a se tornar um polo turístico internacional, onde abriga uma das sete maravilhas do mundo as Cataratas do Iguaçu.

Deixe um comentário

Deixe a sua opinião