cellshop

Com a recente reabertura da fronteira argentina, algumas dúvidas podem surgir quando o assunto é ingressar no país e visitar os atrativos turísticos.

Mas a princípio, a visitação nas Cataratas do lado argentino não tem muito segredo, os protocolos a serem cumpridos é na aduana argentina para entrar no país, depois que ingressou, as coisas ficam mais fáceis.

Protocolos na aduana argentina

Para os iguaçuenses que pretendem ir ao país vizinho, os protocolos foram flexibilizados. No dia 1º de novembro, o governo argentino dispensou o teste de antígeno para moradores de cidades gêmeas (que é o caso de Foz do Iguaçu e Puerto Iguazú).

Então para ingressar no país, os moradores de cidades gêmeas precisam apresentar a comprovação das duas doses ou dose única da vacina contra a covid-19. Mas, se você vai para além de Puerto Iguazú, além da comprovação da vacina, é necessário realizar o teste de antígeno da aduana Argentina, que é feito de forma gratuita.

Já para os turistas de cidades não gêmeas é necessário apresentar a declaração eletrônica na qual deverá constar o exame PCR negativo, realizado no país de origem com até 72h de antecedência.

Confira o post explicativo publicado no Instagram da 100fronteiras.

Como ir nas Cataratas do lado argentino

Do centro de Foz do Iguaçu até as Cataratas do lado argentino, leva em torno de 40min de carro, mas se tiver fila na aduana pode levar uns minutos a mais.

Centro de Foz até as Cataratas da argentina
Google Maps.

O ingresso das Cataratas argentina deve ser comprado antecipadamente online. Não existem muitos requisitos para a visita, e a contratação de Guia Turístico não é obrigatória.

O passeio pode ser feito de forma autoguiada com mapas e informativos que estão em diferentes pontos da área das Cataratas. O transporte dentro do Parque Nacional do Iguazú é feito no trem ecológico (movido a gpl e energia sustentável).

São vários caminhos para seguir dentro do Parque, lá o passeio pode durar o dia todo e é recomendado ir com roupas confortáveis e tênis.

Cataratas do Iguazú Argentina
Cataratas do Iguazú. Foto: Facebook

Se você visitar o Parque, dois dias seguidos, no segundo dia você paga 50% do ingresso. O horário de funcionamento é das 8h às 17h, o tempo limite para entrar no parque é 11h45.

No site para a compra do ingresso, é necessário realizar a confirmação do e-mail, após a confirmação você irá acessar a página de compra. O pagamento precisa ser em peso, mas também é aceito cartão de crédito.

As empresas dentro do Parque para passeios, restaurantes e souvenirs aceitam qualquer moeda e cartões de crédito, reais, guarani, dólar, euro, cruzeiro, pesos, e etc…

As Cataratas do lado argentino

Assim como as Cataratas do Iguaçu, as Cataratas do Iguazú (Argentina) é um patrimônio natural da humanidade, e também uma das 7 maravilhas naturais do mundo desde 2011, o Parque Nacional Iguazú é um universo natural único. Cheio de vida, vegetação abundante e mais de 250 cachoeiras, entre elas a Garganta do Diabo, caindo a mais de 82 metros de altura, é o lugar ideal para se conectar com a natureza.

As passarelas são adaptadas para cadeiras de rodas e carrinhos de bebê, então qualquer pessoa pode desfrutar das cachoeiras e da selva misionera de perto. Porque viver a natureza no Parque é uma experiência acessível a todos os visitantes.

O diferencial das Cataratas da Argentina é o trem ecológico, com vagões totalmente abertos. É um passeio pela selva para respirar seus aromas, sentir sua brisa refrescante, entrar em contato com uma variedade de borboletas coloridas e ouvir os sons da selva. Não tem custo extra.

Trem ecológico Cataratas Argentina
Trem ecológico. Foto: Cataratas do Iguazú.

Divirta-se e bom passeio!



Comentários

Deixe a sua opinião