Colégio Sesi Internacional - display portal

Foi anunciado pelo governo argentino na última terça-feira (23) a reabertura da fronteira, a partir do dia 1º de outubro.

Mesmo com a decisão, apenas moradores das cidades brasileiras que estão na fronteira poderão acessar o país. Ou seja, por mais que a Argentina reabra a fronteira, do lado brasileiro só poderão passar os residentes, não os turistas, explica o secretário de Turismo, Projetos Estratégicos e Inovação de Foz do Iguaçu Paulo Angeli a Rádio Iguazú Misiones.

“É uma decisão do governo brasileiro, portanto os chanceleres têm para trabalhar juntos “.

afirmou o secretário a rádio iguazú misiones.

“Quem mora em Foz do Iguaçu vai poder passar porque isso é permitido nos decretos presidenciais, os turistas brasileiros que vierem de lugares como: Curitiba, São Paulo, Rio, não terão permissão para passar se as regras continuarem. Como já falamos ao povo, do turismo temos muita esperança de que a fronteira seja reaberta, mas há regras e temos que trabalhar juntos na liberação da fronteira.

Conclui o secretário a Rádio Iguazú.

No primeiro momento, foi anunciado a reabertura no dia 1º de outubro, mas a medida poderá ser adiantada para o dia 27 de setembro (segunda-feira), como teste piloto de um corredor turístico entre os dois países.

Ainda há certas dúvidas por parte dos moradores, mas ainda temos que esperar os anúncios oficiais de como irá proceder a passagem dos brasileiros.

Comentários

Deixe a sua opinião