A sedação endovenosa é realizada por um médico anestesista, são verificados exames pré-operatórios e avaliação do risco cirúrgico realizando um eletrocardiograma. O paciente é preparado para a sedação odontológica ficando de jejum por 8 horas no mínimo antes da cirurgia.

Antes de dar início ao uso da medicação, é feita toda a monitorização do paciente. São usados equipamentos para avaliação cardiovascular, oximetria, pulso arterial e frequência cardíaca, além dos demais dispositivos para controle total sobre as funções do paciente.

Quais os procedimento que podem ser realizados com esse tipo de sedação?

•    Extração de sisos

•    Cirurgia de implantes dentários

•    Cirurgia Oral

•    Outros procedimentos dependendo do medo do Paciente.

O procedimento é seguro?

É muito seguro porque não inibe nenhuma função do corpo e tem o acompanhamento do médico anestesista durante todo o procedimento, monitorando funções vitais, com verificação da pressão arterial, frequência cardíaca, oxigenação sanguínea e eletrocardiograma. Outro ponto positivo é que a sedação endovenosa também diminui a liberação de substâncias no sangue, em decorrência da ansiedade, que provocam o aumento da pressão arterial e frequência cardíaca durante o procedimento.

Quem pode ser submetido a sedação?

Qualquer paciente, inclusive se o paciente que for cardíaco e estiver medicado; o paciente que tiver diabetes e a mesma estiver controlada; o paciente que tiver hipertensão e estiver medicado também pode usufruir do conforto da sedação em tratamentos odontológicos.

A sedação endovenosa é recomendada para qualquer pessoa com receio de um tratamento odontológico e pode ser utilizada por pessoas que buscam somente maior conforto e não desejam presenciar o procedimento (seria como dormir durante o procedimento e acordar com tudo pronto).

Espaço Institucional.

Formado em Odontologia pela Universidade Paranaense (Unipar), especialista em Implantodontia, especialista em Cirurgia e traumatologia Bucomaxilofacial, especialista em Ortodontia, pós-graduado em Cirurgia Ortognática, pós-graduado em Periodontia, pós-graduado em Imersão em Engenharia Tecidual Inteligente com o uso de concentrado sanguíneo e pós-graduado em Plástica Gengival.

Comentários

Deixe a sua opinião