O Hospital Municipal Padre Germano Lauck (HMPGL), em Foz do Iguaçu, implantou, esta semana, mais quatro leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), destinados a pacientes graves com o novo Coronavírus.

Agora, a unidade possui 44 leitos exclusivos de UTI COVID. Somados aos do Hospital Ministro Costa Cavalcanti, Foz do Iguaçu conta com 89 leitos de UTI COVID, além de 74 de enfermaria.

A ampliação deve-se ao aumento do número de casos da Covid-19 no município, e especialmente a ocupação de leitos, que chegou nesta sexta-feira (20) a 79,78%.

“Chegaremos nos próximos dias a dez leitos de UTI COVID, e na sequência queremos restabelecer mais dez leitos de UTI geral para a população”, explica o diretor-presidente do HMPGL, Sergio Fabriz.

A ampliação será possível com o apoio do Governo do Estado e Ministério da Saúde, que repassarão 20 monitores e 20 respiradores.

Nesta semana o Hospital Municipal contratou, via processo seletivo, mais 25 colaboradores, entre técnicos de enfermagem e fisioterapeutas. O credenciamento de médicos também segue aberto, o que contribuiu para a ampliação de leitos.

Prevenção
O diretor do Hospital Municipal ressalta a importância de a população manter os cuidados e as medidas de prevenção ao Coronavírus. “Infelizmente as pessoas perderam o medo da doença, e estão com dificuldades de cumprirem as medidas sanitárias, dificultando nosso dia a dia. Precisamos retomar a participação popular na conscientização, para podermos frear esse avanço”, pontua Fabriz.

Altas
O Hospital Municipal, referência no tratamento da Covid no Estado do Paraná, já registrou 420 altas de pacientes desde o mês de maio.

Deixe um comentário

Deixe a sua opinião