Nesta terça-feira (06) o projeto Onças do Iguaçu publicou mais um apaixonante vídeo de onças no Parque Nacional do Iguaçu, desta vez, estavam de “love”, e posando para a câmera, mesmo sem saber, no Parque Nacional do Iguaçu.

“E olha só que flagrante mais “afffemaria” que conseguimos, miagente!O Kaluanã e a Cacira dando uma namorada! Incrível ou incrível demais?”

Projeto Onças do Iguaçu disse em seu perfil do Facebook.
Vídeo: Projeto Onças do Iguaçu.

No vídeo mostra as onças Kaluanã e a Cacira tirando uma tarde para aproveitar a companhia um do outro.

De acordo com o Projeto Onças do Iguaçu, as onças são animais solitários, os casais permanecem juntos apenas durante o cio das fêmeas, que dura em média de 6 a 16 dias.

Depois disso cada um segue o seu rumo e a fêmea cria os filhotes sozinha. Recentemente o projeto Onças do Iguaçu publicou um vídeo mostrando a onça Cacira com dois filhotinhos, com cerca de 8-9 meses.

Nessa idade os filhotes ainda não estão independentes da mãe e no geral, ela não entra no cio nesse período. “Mas nesse caso, ela resolveu abrir uma exceção para esse gatão lindo que é o Kaluanã.”

Onças do Iguaçu diz que alguns pesquisadores especulam que isso seria uma estratégia para proteger os filhotes de serem mortos pelo macho que quer copular. Enquanto ela está com o Kaluanã os filhotes possivelmente estão “escondidos” em outro local.

O registro dela com os filhotinhos na matéria anexada acima, foi feito depois desse vídeo que estamos falando, então os filhotes estão bem.

“Percebam que assim que o casal chega ao local o Kaluanã já marca o território com urina. Eles ficaram quase duas horas nesse ponto, dormiram, descansaram e copularam. Infelizmente a câmera que registrava vídeos falhou bem na hora da cópula (pô câmera, fala sério!), mas uma outra, posicionada na frente, registrou fotos. Vamos acompanhar e ver o resultado disso, mas no momento estamos aqui afogados em uma poça de baba olhando esse vídeo.”

Finaliza Onças do Iguaçu.

Comentários

Deixe a sua opinião