Colégio Sesi Internacional - display portal

O sotaque divertido é apenas uma das características do chileno Albertino Villa Lobos. Ele cresceu em meio à gastronomia, pois a mãe tinha um restaurante no Chile. Com isso, ainda aos 14 anos, decidiu que seguiria o sonho na culinária. No entanto, sabia que teria que alçar voos longe do país natal e veio ao Brasil, em 1976, para estudar gastronomia e seguir carreira.

“Eu trabalhei em vários estados brasileiros, conheci muito da gastronomia regional e estudei com professores franceses em outros locais do mundo. Cheguei em Foz do Iguaçu em 1980 e trabalhei em grandes hotéis na cidade na área de alimentos e bebidas, uma área que sou apaixonado”, destaca Villa Lobos.

Ele destaca que, por meio da gastronomia, conheceu praticamente todos os estados brasileiros e que cada lugar tem sua marca registrada na culinária. “Eu gosto muito de trabalhar a gastronomia regional. Exploro muito essa área. Você vai a Fortaleza, por exemplo, e tem uma tapioca maravilhosa, vai em Brasília e tem uma castanha do baru que só tem lá. Então eu gosto de trabalhar com essa regionalidade”.

Gerente de Alimentos e Bebidas

Villa Lobos tem 68 anos e trabalha há 54 na área da gastronomia. Atualmente tem um acervo com mais de 300 livros da área e a busca por conhecimento não para.

Há quatro anos ele é o gerente de Alimentos e Bebidas do Recanto Cataratas Thermas Resort & Convention, e tem a responsabilidade de comandar toda a parte operacional do hotel, que inclui os restaurantes, área da piscina e eventos. “Ser gerente A&B em um hotel do porte do Recanto é um grande desafio. Aqui não terceirizamos nada, tudo é produzido dentro do hotel e isso está sob minha responsabilidade. É uma dinâmica constante e todo dia é um dia”, destaca.

Comida no hotel Recanto

O hotel se diferencia pela qualidade dos eventos que chegam a ter até 1500 pessoas, com o buffet totalmente produzido no local. Além disso, os eventos produzidos exclusivamente pelo Recanto, como Natal e Ano Novo, também são feitos com a gastronomia artesanal, onde a cada ano conta com uma temática diferente, comandada por Villa Lobos. 

Diferenciais do Recanto Cataratas

O chef Villa Lobos destaca que o café da manhã no hotel tem mais de 140 itens, padaria de confecção própria com 22 variedades de pães artesanais. O buffet de almoço e jantar do hotel conta com um destaque, o grill de carnes nobres e grelhados na hora; sem contar as sobremesas. “Tem um pudim e um sagu que só tem no hotel, é exclusivo, uma receita nossa que você não encontrará em outro lugar. É nossa marca registrada. E assim, como esses diferenciais, todos os nossos produtos são de extrema qualidade”.  

Já no setor de bebidas o destaque é para os drinks do verão, que são coloridos e refrescantes, simbolizando a área de lazer do resort

Assinatura do chef

Existem duas coisas que caracterizam o Villa Lobos: a parte de decoração de mesa, onde ele faz uma mesa posta que é sua marca registrada e o treinamento de equipes de alimentos e bebidas. Por conta do conhecimento e expertise que tem, repassa isso aos colaboradores, desde o atendimento até a confecção dos alimentos.

Comida no hotel Recanto

“Minha vida toda foi norteada pela gastronomia e eu sempre destaco que é preciso colocar sentimento nas receitas que fazemos. Gastronomia para mim é saúde e felicidade. Você tem que transmitir esse sentimento de felicidade na gastronomia, a alimentação é sagrada, e isso é sinônimo de saúde”.

Formada em Jornalismo na UDC e pós-graduada em Relações Internacionais Contemporâneas na Unila, atualmente é jornalista da 100fronteiras e recentemente conquistou pela 100fronteiras o primeiro lugar no 1º Prêmio Faciap de Jornalismo.

Comentários

Deixe a sua opinião