O mês de abril é dedicado à conscientização do autismo. Mas todos os dias a equipe Somare se dedica ao cuidado de pessoas com Transtorno do Espectro Autista (TEA). Desde que foi fundada seu compromisso é com o desenvolvimento infantil e com um futuro com maior qualidade de vida para as crianças e famílias afetadas pelos desafios de um desenvolvimento atípico. A Somare nasceu em outubro de 2017 fundada pelos quatro sócios proprietários Elielton Fucks, Thiago Maycon Sanches Santos, Andriane Schmiedel Fucks e Andressa Schmiedel Santos.

Com o passar dos anos a Somare cresceu e evoluiu com resultados importantes no desenvolvimento das crianças atendidas na modalidade AMIS – atendimento multiprofissional precoce, intensivo e continuado de especialidades. Ainda assim, sensíveis às necessidades das famílias, os sócios idealizaram a ampliação em sua atuação terapêutica, proporcionando continuidade na intervenção precoce e novas possibilidades para jovens e adultos. Foi assim, que na metade de fevereiro deste ano nasceu a Somare Clínica.  

Andressa em atendimento na Somare Clínica
Andressa em atendimento na Somare Clínica. (Foto: Kiko Sierich)

Para entender o que compete a Somare AMIS e a Somare Clínica, criamos um infográfico para explicar a importância de ambos os espaços.

Somare Transformando Vidas Atípicas

SOMARE AMIS

Intervenção Multiprofissional Intensiva, precoce e continuada de especialidades no tratamento a crianças de 1 a 12 anos com transtorno do neurodesenvolvimento.

  • São 3h30 min de terapias e atividades terapêuticas;
  • Atendimento individualizado;
  • Material personalizado Somare;
  • Mediação escolar com imersão clínica para tutores escolares;
  • Acolhimento aos pais e orientação na rotina diária da criança;
  • Devolutivas diárias e semestrais da evolução dos pacientes;
  • Devolutivas diárias e semestrais com dados de evolução;

Equipe Especializada

Ao ingressar no AMIS são realizadas avaliações com aplicação de protocolos pela equipe multiprofissional para planejamento individualizado. Semestralmente são apresentados os dados com o gráfico de evolução.

Salas de intervenção e salas funcionais para treino de AVDs

Ampla estrutura com salas de intervenção individualizada, área ampla para atividades psicomotoras e espaços estruturados para o desenvolvimento de habilidades e competências que viabilizem sua inclusão em contextos da vida real.

Plano de frequência

  • Planos de frequência de
  • 2, 3, 4 e 5 vezes por semana.
  • Atendimento de segunda a sexta-feira.
  • Matutino: 8h às 11h30
  • Vespertino: 13h30 às 17h

Terapias e Atividades Terapêuticas

  • Fonoaudiologia;
  • Psicologia;
  • Terapia Ocupacional;
  • Psicopedagogia;
  • Psicomotricidade;
  • Oficina Tecnológica;
  • Comunicação Social;
  • Intervenção Assistida por animais;


Materiais Inclusos

  • Bolsa personalizada;
  • Agenda;
  • Squeeze de água;
  • Apostila de alfabetização.

Endereço: R. Santo Rafagnin, 600 – Vila Portes, Foz do Iguaçu – PR, 85865-370

SOMARE CLÍNICA

Avaliação e Atendimento Terapêutico Especializado na modalidade por Especialidades. Os profissionais que atendem no AMIS abrem suas agendas no atendimento na Clínica (sessões de 45 minutos a 1 hora) com abordagem, além do atendimento infantil, para jovens e adultos.

Atendimentos nas áreas de:

  • Fonoaudiologia;
  • Psicologia;
  • Neuro/Psicopedagogia;
  • Terapia Ocupacional e Integração Sensorial;
  • Psicomotricidade e modalidades esportivas especiais;

Endereço: Rua das Missões 153, Jd. festugato próx ao Hospital Unimed

Horário de atendimento

De segunda a sexta das 08h às 20h e sábado das 08h às 12h.

A equipe hoje é composta por 89 colaboradores. Já o número de pacientes, atualmente, é de 226.

“Certamente essa é mais uma realização que está correlacionada com o nosso olhar de acolhimento. Por isso, ampliamos nossa estrutura e serviço, planejando detalhes que fazem sentido para o paciente, aos pais e também para os profissionais. Seguimos unindo ciência e o olhar humanizado que faz toda a diferença para a transformação da vida dos nossos pacientes”.

andressa
Thiago, Andressa, Andriane e Elielton diretores da Somare
Thiago, Andressa, Andriane e Elielton, diretores da Somare.

Como saber o que meu filho precisa?

Andressa e Andriane explicam que cada caso é único e a escuta técnica é o primeiro acolhimento às famílias que procuram a Somare. Dessa forma, entendem as necessidades, a dinâmica da família e juntamente com a avaliação médica podem orientar a que modalidade de intervenção essa criança necessita. 

“A modalidade de intervenção AMIS é destinada a crianças que possuem algum transtorno do neurodesenvolvimento, como o autismo, casos em que exijam a intervenção de várias especialidades de forma integrada, em uma intensidade necessária para seu desenvolvimento. Ela é precoce, pois atende a criança de 1 até 12 anos de idade. Contudo, existem outros quadros clínicos em que a demanda está pautada na intervenção pontual de alguma especialidade, ou que a criança ganhou alta do AMIS e suas necessidades terapêuticas são menores, ou ainda, que a pessoa esteja na sua adolescência, nesse caso a intervenção na clínica é a modalidade que atenderá às suas demandas terapêuticas. Dessa forma, temos serviços que se distinguem em sua modalidade, mas que também se completam em seu propósito”, destaca Andriane.

Andriane e Andressa da Somare
Andriane e Andressa. (Cabelo: Angélica, Make: Claudia Soria).

Além disso, existe o processo de investigação, avaliação e diagnóstico. O diagnóstico é uma construção entre avaliações multiprofissionais, escalas e avaliação médica. Os profissionais da clínica realizam a investigação, aplicando protocolos específicos das suas especialidades e rastreando os déficits e potencialidades do avaliado em seu desenvolvimento.

Andressa e Andriane possuem a acreditação para a aplicação do ADI-R e ADOS-2, escala para o diagnóstico do autismo. A escala é composta pela entrevista com os pais ou responsáveis para traçar a história do desenvolvimento da pessoa avaliada, e a observação direta da criança. É considerado instrumento de referência internacional na avaliação observacional e diagnóstica do TEA.

Nova identidade visual

A Somare foi passando por transformações e nesse processo de planejamento da ampliação de suas competências e em busca da excelência, procurou traduzir a essência da marca e a missão da empresa, através de uma nova identidade visual e verbal. 

Detalhe da Somare Clínica. (Foto: Kiko Sierich)

A empresa fala de transformação, esperança, amparo, carinho e acolhimento, através do design, com a implantação de cores, frases e formas orgânicas que representam as pessoas atípicas.  “Certamente essa é mais uma realização que está correlacionada com o nosso olhar de acolhimento. Por isso, ampliamos nossa estrutura e serviço, planejando detalhes que fazem sentido para o paciente, aos pais e também para os profissionais. Seguimos unindo ciência e o olhar humanizado que faz toda a diferença para a transformação da vida dos nossos pacientes”, explica Andressa. 

Somare Clinica
(Foto: Kiko Sierich)

Formada em Jornalismo na UDC e pós-graduada em Relações Internacionais Contemporâneas na Unila, atualmente é jornalista da 100fronteiras e recentemente conquistou pela 100fronteiras o primeiro lugar no 1º Prêmio Faciap de Jornalismo.

Comentários

Deixe a sua opinião