Constantemente tenho acompanhado tutores desesperados pelo desaparecimento dos seus gatos. Postagens em redes sociais, cartazes no bairro, andanças pela região e um sentimento de perda e vazio indescritível. Mas preciso informar aos tutores que, diferentemente dos cães, que têm hábitos errantes, os gatos são animais neofóbicos, ou seja, têm medo ou desconfiança de tudo que é novo ou que não está ligado à sua rotina. Dessa forma, esses animais, apesar de curiosos, também se sentem inseguros quando não estão em seu ambiente familiar. É fato que gatos machos não castrados são conhecidos por gostarem de “bater pernas”, principalmente aqueles criados em casas e que têm acesso à rua. Isso decorre da ação hormonal em que a testosterona impõe a esses animais a necessidade de dominância territorial. Todavia essas andanças não começam do dia para a noite. Gatos vão aumentando o seu raio de distanciamento da casa com o passar do tempo ao sentirem-se seguros. Infelizmente esses animais têm tempo de vida mais curto. Atropelamentos, ataques por cães, maus-tratos e brigas, entre outras, são causas de morte prematura desses fujões. Dessa forma é imprescindível a castração do gato macho ainda na fase juvenil, antes que ele sinta confiança nos passeios pela vizinhança. Mas se o seu gato ou gata é castrado(a), nunca havia saído de casa e desapareceu repentinamente, então sugiro que concentre todos os esforços na busca por no máximo 200 metros de distância da sua casa. Não perca tempo procurando no bairro inteiro. Muitos desses animais desaparecem repentinamente quando são furtados ou atropelados.Mas se estiverem perdidos, esses danados só vão chamar por ajuda (miar intensamente) quando se derem conta de que não sabem onde estão ou quando estiverem inseguros. Todavia, se estiverem confiantes no local onde se esconderam, poderão ficar algum tempo ou dias quietos, inclusive deixando você passar ao lado deles sem dar um só miado. Então, se o seu gato desapareceu repentinamente, a dica é: procure por perto.  

Doutor Paulo Henrique da Silva.

  PetBrazil Clínica Veterinária Rua Tiradentes, 371 – Centro, Foz do Iguaçu – PR, 85851-320, Brasil +55 45 3523-6868  

Participe da comunidade 100fronteiras. Apoie o jornalismo local!

Apoiando o jornalismo local, você valoriza a sua cidade, seu estado e seu país. Nossa equipe está diariamente trazendo notícias da Tríplice Fronteira, apresentando novos lugares, com isso você receberá conteúdos exclusivos e brindes.

Participe já do nosso grupo do WhatsApp ou interaja em nosso Telegram.

Nos encontramos lá, até mais

Graduado em Medicina Veterinária pela Fundação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (1991). Mestre em Ciência Animal pela Universidade do Oeste Paulista (2013), Especialista em Clínica Médica e Cirúrgica em Cães e Gatos pela Universidade Federal do Paraná – Campus Palotina(2008) e em Marketing e Propaganda pela Faculdade de Ciências Sociais e Aplicadas de Cascavel (1999). Professor Celetista no Centro Universitário Dinâmica das Cataratas nas disciplinas de Patologia Clínica Veterinária e Anestesiologia Veterinária (2012-2016). Pós-graduando em Gestão Empresarial pela FGV. Atualmente trabalha como Clínico e Cirurgião Geral na PetBrazil Clínica Veterinária em Foz do Iguaçu-PR. Desenvolve atividades de Responsabilidade Técnica e manejo de cães de detecção em vários estados do Brasil. Tem experiência na rotina de atendimento de cães e gatos há 28 anos ininterruptos.

Deixe um comentário

Deixe a sua opinião