A Feira de Inovação das Ciências e Engenharias (FIciencias), anunciou os projetos finalistas, que farão parte da exposição da 11ª edição do evento. Ao todo, foram selecionados 150 trabalhos, entre inscritos do Brasil, Paraguai e Argentina. 

Promovida pelo Parque Tecnológico Itaipu (PTI-BR) e pela Itaipu Binacional, em parceria com diversas universidades, a FIciencias retorna, este ano, ao formato presencial. O evento ocorrerá entre os dias 24 e 28 de outubro no Hotel Golden Park Internacional.  

Entre os municípios brasileiros com maior número de trabalhos aprovados está Curitiba, com 33; seguido por Londrina, com 18 e Assis Chateaubriand, com 15. Ainda há a presença de autores de outras cidades, como Cambé, Foz do Iguaçu, Primeiro de Maio e Toledo. Tanto a lista completa dos trabalhos selecionados quanto o regulamento estão disponíveis no site do evento (ficiencias.org). 

As temáticas dos trabalhos que serão expostos durante os cincos dias são: ciências agrárias, ciências biológicas, ciências da saúde, ciências exatas e da terra, ciências humanas, ciências sociais e aplicadas e engenharias. 

FIciencias 2022
Foto: Divulgação.

A expectativa é de que essa edição conte com a presença de aproximadamente 700 participantes, entre professores e alunos. Além desses, haverá outros 150 a 200 participantes do Hackateens e da FIciencias Kids, respectivamente. 

Os conteúdos serão avaliados pelas comissões técnica e científica, compostas por representantes das Instituições de Ensino Superior que realizam a FIciencias e técnicos do PTI-BR. Os melhores projetos receberão prêmios em dinheiro, além de troféus e medalhas. 

Sobre a Ficiencias  

A FIciencias é um espaço para estudantes apresentarem ideias criativas e inovadoras, contribuindo com o conhecimento e a evolução no mundo da ciência.  

Participam alunos dos 8º e 9º anos, do ensino fundamental, além dos alunos do ensino médio e da educação profissional técnica de nível médio das instituições públicas e particulares. As participações dos estudantes podem ser individuais ou em grupos de, no máximo, três alunos por projeto. Todos os trabalhos contam com um orientador para auxiliar na condução das pesquisas. 

Além da exposição dos trabalhos, a programação conta com o FIciencias Kids, um espaço para professores da educação infantil e ensino fundamental I, de Foz do Iguaçu, apresentarem suas soluções criativas e inovadoras. Assim como o Hackateens, um momento para que estudantes e professores apresentarem ideias para fomentar a cultura de inovação.

Comentários

Deixe a sua opinião