O Parque Nacional do Iguaçu, que abriga as Cataratas do Iguaçu, recebeu 23.106 visitantes nos três dias do feriado prolongado de Páscoa (de 15 a 17 de abril).

O movimento foi 600% maior que no mesmo período do ano passado, quando apenas 3.019 pessoas passaram pela unidade de conservação, por causa das restrições da pandemia.

Do total da visitação, 12.287 são turistas brasileiros, e 10.819, representando 47%, são estrangeiros, liderados por Argentina, Paraguai, Uruguai, França, Estados Unidos e Espanha, respectivamente. A expectativa de movimento para a Páscoa foi superada, pois inicialmente eram esperados até 22 mil visitantes no feriadão.

Cataratas do Iguaçu
Foto: Edison Emerson.

A grandiosidade do Parque Nacional do Iguaçu impressionou e conquistou milhares de novos apaixonados pelo Patrimônio Mundial Natural. Esse foi o caso da Tatiane, de Divinópolis, município de Minas Gerais, que conheceu o maior conjunto de quedas d’água do mundo neste feriado.

“É a minha primeira vez aqui no parque. Vim por convite de alguns amigos que já tinham conhecido e me disseram que era uma maravilha. A experiência é realmente maravilhosa!”

Turista em Foz do Iguaçu, Tatiane
Foto: Edison Emerson.

Os milhares de visitantes que viajaram para Foz do Iguaçu neste final de semana prolongado tiveram a oportunidade de presenciar as Cataratas do Iguaçu em uma forma ainda mais exuberante, chegando a ultrapassar a vazão de dois milhões e 500 mil litros de água por segundo, o que representa um milhão a mais que o normal.

Visitação do Parque Nacional do Iguaçu
Últimos feriados de Páscoa

2022 (15 a 17 de abril): 23.106 visitantes
2021 (2 e 4 de abril): 3.019 visitantes
2019 (19 e 21 de abril): 30.547 visitantes

• O movimento em 2022 foi 665% maior que no mesmo período de 2021, quando apenas 3.019 pessoas passaram pela unidade de conservação, por causa das restrições da pandemia.

• A visitação de 2022 representa 75% do número alcançado na páscoa de 2019, ano que o Parque Nacional do Iguaçu bateu o recorde histórico de visitação anual.

Comentários

Deixe a sua opinião