Lilian Grellmann, jornalista e CEO do 100fronteiras foi selecionada para o programa “Acelerando a Transformação Digital”, uma iniciativa da Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo (Abraji), do Meta Journalism Project e do Centro Internacional para Jornalistas (ICFJ). 

Os participantes selecionados vão receber uma mentoria com especialistas durante três meses, de maio a julho deste ano, e contarão com apoio financeiro de até US$ 2.500 cada um. 

A seleção foi feita entre os 10 mil inscritos que participaram de pelo menos uma das três edições dos cursos de jornalismo local ministrados pela Abraji, entre 2019 e 2021.

Para Sérgio Lüdtke, coordenador de cursos da Abraji, o programa Acelerando a Transformação Digital “poderá dar o impulso que faltava para que algumas dessas ideias sejam levadas adiante de modo mais consistente e possam servir de exemplo e estímulo a outros colegas”.

Desses, somente 80 projetos foram selecionados para o programa, que tem o objetivo estimular o fortalecimento do jornalismo local no país e reduzir o número de municípios considerados desertos de notícias.

“É motivo de orgulho ter sido uma das escolhidas no Projeto Acelerando a Transformação Digital desenvolvido pela ABRAJI, com o apoio do Meta Journalism Project e do ICFJ, também é um desafio estar representando toda a região trinacional e dessa forma enaltecendo nosso destino para o Brasil e o mundo.”

diz lilian grellmann.
Lilian Grellmann, CEO do Grupo 100fronteiras
Lilian Grellmann.

O projeto de Lilian irá mostrar a Tríplice Fronteira através de uma web série com 12 episódios mostrando as curiosidades e o fascínio que é viver em uma Tríplice Fronteira. O objetivo é engajar os leitores, para que comentem as postagens com suas próprias experiências.

Quem é Lilian Grellmann?

Colunista Social há 34 anos e CEO do Grupo 100fronteiras. Nasceu em Assunção/Paraguai, mas adotou Foz do Iguaçu desde o ano de 1981 e já é uma iguaçuense de coração.

Além de jornalista, também é bacharel em direito, uma das idealizadoras da 100fronteiras fundada há 16 anos em Foz do Iguaçu, promove a Tríplice Fronteira como embaixadora voluntária gerando conexões entre as comunidades e fazendo registros fotográficos e de vídeo, além de organizar eventos de experiência.

Lilian também é presidente da Associação de Mulheres do Turismo de Foz do Iguaçu (Amutur/Foz), e também atua como digital influencer.

Prêmios

Entre os inúmeros prêmios já recebidos, podemos citar: Prêmio “Jaguareté Los Mejores de las Tres Fronteras” em Puerto Iguazu/AR-2007;  “Mulher Notável”, em Porto Velho/RO-2012; “Mulher Destaque Nacional”, em Maceió/AL-2013; “XVI Troféu Mulher Influente”, em Belo Horizonte/MG-2012; “Troféu Destaque” Imprensa em Foz do Iguaçu/PR-2008; “Prêmio Destaque no Turismo” em Belo Horizonte/MG-2014; Prêmio “Tudo Que Há”  em abril/2015 na capital Maceió/AL; Prêmio Personalidade Alvar Nuñez Troféu do turismo em Foz do Iguaçu/PR, no ano de 2015, entre outros.

Comentários

Deixe a sua opinião