A cidade de Foz do Iguaçu ganhou recentemente destaque nacional ao compor o ranking desenvolvido pelo Mapa de Empresas, do Ministério da Economia, que elenca as principais cidades do país que oferecem de forma mais rápida o processo para abertura de novas empresas. Os dados são referentes ao terceiro quadrimestre de 2020.

Foz ficou em 8º lugar a nível nacional, ao lado de Cascavel que ocupa a sétima colocação. E esse reconhecimento só foi possível graças ao programa Destrava Foz, criado por servidores públicos e sociedade civil organizada em conjunto com o Sebrae, que desburocratizou os processos para liberação de alvarás. A cidade é a oitava mais rápida do país na abertura de empresas, fora das capitais, com uma média de 3 horas e 12 minutos para o processo.

“Essa conquista é um reconhecimento pelo trabalho que realizamos em conjunto com o Sebrae, servidores, empresários e contadores da cidade. Uma iniciativa que surgiu na gestão do prefeito Chico Brasileiro que buscou parceria junto ao Sebrae para colocar esse programa no ar”, destaca a secretária da Fazenda, Salete Horst.

Cidade-Foz-do-Iguaçu-Paraná -Foto Kiko Sierich
Foto Kiko Sierich.

Atualmente esse e todos os demais processos que competem à Fazenda são feitos de forma online, com a transparência e agilidade necessárias. E não para por aí. Salete destacou que em breve uma nova fase do Destrava Foz será colocada em prática, facilitando ainda mais esse processo para a abertura de novas empresas, algo que beneficia os micro e grandes empresários e o desenvolvimento de Foz do Iguaçu de modo geral.

Patrícia Buche

Formada em Jornalismo na UDC e pós-graduada em Relações Internacionais Contemporâneas na Unila, atualmente é jornalista da 100fronteiras.

Deixe um comentário

Deixe a sua opinião