A cidade ainda não possui nenhum caso confirmado, porém já foram tomadas algumas medidas e precauções.
Na manhã de terça-feira (17), o Parque Nacional suspendeu suas atividades; a unidade ambiental do lado argentino já estava parada desde domingo.
Adotando as mesmas medidas que os demais pontos turísticos, o Parque das Aves e o Marco das Três Fronteiras também vão fechar. A margem brasileira da Itaipu também fechou os atrativos.
Todos com o propósito de proporcionar saúde e proteção para seus funcionários e visitantes, alinhando-se às diretrizes do governo e protocolos estaduais e locais para evitar aglomeração.
O prefeito de Foz do Iguaçu, Francisco Brasileiro, já na segunda-feira, suspendeu as audiências públicas e eventos.
Escolas municipais estão sem aulas desde o decreto de domingo. Já algumas universidades particulares e públicas encerraram na manhã de terça; outras encerram apenas no dia 20 de março.
Veja também algumas medidas de prevenção que devem ser tomadas:
  • Lavar bem as mãos com água e sabão.
  • Não compartilhar objetos pessoais.
  • Deixar os ambientes bem ventilados.
  • Ao tossir ou espirrar, proteger com o antebraço ou lenço descartável.
  • Evitar aglomeração se estiver doente e não cumprimentar as pessoas com contato físico.
  • Utilizar álcool em gel.
  • Não compartilhar fake news sobre o assunto, para evitar situações de alarde.
  • Quem possui contato com grupos de risco, como idosos e pessoas com problemas de imunidade, também deve tomar cuidados e se isolar.

 

Comentários

Deixe a sua opinião