O ginásio Costa Cavalcanti, que está na cidade desde 1982, vai ganhar uma nova pista de atletismo, com certificação internacional! O projeto já está na fase final de aprovação pela Secretaria de Planejamento e Captação de Recursos daqui de Foz do Iguaçu, e tem um valor inicial estimado de R$11 milhões, com previsão de entrega para o ano que vem, 2022.

A nova pista de atletismo no ginásio Costa Cavalcanti vai ajudar muito a Terra das Cataratas, pois, além de ser conhecida pelos seus lindos pontos turísticos, grandes eventos esportivos vão poder ser realizados na cidade. Essa obra irá fortalecer as ações de bem-estar social e incentivar a prática de esportes.

O prefeito Chico Brasileiro ainda ressalta a participação da Itaipu nesse projeto. “Itaipu é novamente uma grande parceira em um projeto que vai deixar Foz do Iguaçu ainda mais conhecida e procurada nacionalmente e até mesmo internacionalmente. Com um local completo para práticas esportivas, aliado à estrutura já conhecida da rede hoteleira e aos atrativos, a cidade entrará na rota de eventos nacionais e internacionais, e a nossa população será atendida com instalações completas para esporte”, diz em entrevista para o GDia.  

Projeto Jovens Atletas Campeões do Futuro

A nova pista do ginásio Costa Cavalcanti, além de ser uma ótima adição para a população, também vai ser um grande diferencial para os participantes do projeto Jovens Atletas Campeões do Futuro. São cerca de 300 alunos, com idades entre 7 e 23 anos, que se encontram em situações não muito boas.

Com essa obra, que terá a certificação internacional, os atletas terão resultados melhores ainda. “Ao termos a chance de treinar em uma pista tão boa quanto a que será construída, nossos atletas vão se tornar ainda mais competitivos e levarão o nome de Foz para os lugares mais altos”, comemorou o coordenador do projeto, Sérgio Muniz dos Santos.

Construção no ginásio Costa cavalcanti

As obras para a nova pista de atletismo contará com: seis pistas curvas e oito pistas retas; duas instalações de salto com vara; duas instalações de salto em altura; duas instalações de salto triplo e salto em distância; duas instalações (círculos) para arremesso de peso; duas instalações para lançamento de dardo; um fosso para prova com obstáculos; e uma instalação combinada para lançamento de disco e martelo (círculo concêntrico).

Também vai envolver a construção de uma nova pista de duplo raio com dimensões oficiais de 400 metros, estabelecidas pela World Athletics, além de três pistas para aquecimento.

Para uma melhor infraestrutura, está nos planos do projeto também a construção de uma arquibancada para cerca de 500 pessoas; a reforma e ampliação das instalações que já existem no ginásio, instalação de equipamentos de competição na pista e no campo, instalação complementares de acessos, paisagismo, iluminação e a adequação dos acessos e circulações às normas de acessibilidade e saídas de emergência.

O projeto prevê também incluir uma reforma nas calçadas na frente do aterro da pista de atletismo, tornando-a mais acessível para todos. Além disso, também está nos planos o rebaixamento das calçadas nas esquinas, a definição e garantia da faixa livre de circulação, retirando as árvores, postes e demais obstáculos que possam surgir.

Diálogos 100fronteiras

Deixe a sua opinião