Para quem ainda não fez a Declaração do Imposto de Renda, o prazo termina às 23h59 desta terça-feira (31).

Após a data, o documento poderá ser regularizado mediante o pagamento da multa, o valor mínimo é de R$ 165,74 – o valor máximo é correspondente a 20% do imposto devido.

De acordo com a Receita Federal, até a sexta-feira (27), 47.874 formulários haviam sido enviados, enquanto que o total de esperados para este ano em Foz do Iguaçu era de 57.200.

Caso tenha dúvidas de como proceder com a Declaração do Imposto de Renda, este guia em formato de perguntas e respostas poderá te ajudar:

Matéria produzida pela 100fronteiras no início das declarações.

A declaração é obrigatória para as pessoas que receberam rendimentos tributáveis superiores a R$ 28.559,70 em 2021. Para atividade rural, a obrigatoriedade é para quem teve receita bruta superior a R$ 142.798,50 no ano passado. Também devem fazer a declaração: os contribuintes com rendimentos isentos, não-tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte, de mais de R$ 40 mil; aqueles com patrimônio de mais de R$ 300 mil e os que tiveram ganho de capital na alienação de bens ou direitos ou fez operações na bolsa de valores, incluindo os dependentes.

E independente da renda, a declaração é obrigatória ainda para quem passou a residir no Brasil no ano passado e para quem vendeu imóveis residenciais e comprou outro até 180 dias depois da venda.

Comentários

Deixe a sua opinião