Na semana passada a 100fronteiras publicou uma matéria sobre a denúncia feita por diversos usuários de Foz do Iguaçu que foram contatados por perfis fakes de Instagram que estavam se passando pelas páginas oficiais de hotéis renomados da cidade. Na abordagem as mensagens sugeriam que os usuários haviam ganhado diárias e descontos, no entanto para confirmar o prêmio precisam passar o código de WhatsApp via mensagem de texto.

Isso tudo faz parte de uma rede de crimes cibernéticos que diariamente afetam os usuários da internet, roubando informações importantes e até mesmo clonando WhatsApp para se passarem pelas pessoas e assim conseguirem dinheiro.

Para acabar com esses perfis, a 100fronteiras contatou a assessoria do Instagram Brasil que prontamente começou a investigar alguns dos perfis fakes de hotéis da cidade e na data de hoje (29) nos confirmou que os perfis foram tirados do ar. No início da semana eles também passaram diversas dicas do que fazer para evitar cair em golpes cibernéticos e a Polícia de Crimes Cibernéticos de Curitiba reforçou a importância da denúncia junto a Polícia Civil nesses casos.

“Fingir ser outra pessoa, marca ou negócio viola as Diretrizes da Comunidade do Instagram e as contas indicadas pela reportagem foram removidas. Temos uma equipe dedicada para detectar e impedir esses tipos de golpes e encorajamos as pessoas a denunciarem quaisquer contas ou atividades suspeitas no Instagram por meio das nossas ferramentas de denúncia”.

esclareceu um porta-voz do Facebook Brasil.

No entanto, nosso jornalismo local não para por aqui. Se você leitor for abordado por algum perfil fake daqui em diante, continue denunciando através da plataforma do Instagram, que oferece todo o suporte para as denúncias, inclusive podendo indicar qual é o perfil fake. Abaixo uma matéria explicativa da 100fronteiras sobre como denunciar.

Leia Também

Patrícia Buche

Formada em Jornalismo na UDC e pós-graduada em Relações Internacionais Contemporâneas na Unila, atualmente é jornalista da 100fronteiras.

Deixe um comentário

Deixe a sua opinião