Descortinamento. Propositor da neociência Conscienciologia, o médico Waldo Vieira escolheu a Terra das Cataratas para criar a CCCI (Comunidade Conscienciológica Cosmoética Internacional) objetivando contribuir com a transformação da região e evidenciando as potencialidades locais e dos habitantes, a partir da tarefa do esclarecimento desenvolvida com as mais de 700 especialidades conscienciológicas. Fundação. Convergente com esse propósito, em 2015, foi criada a COSMOETHOS – Associação Internacional de Cosmoeticologia, voltada ao estudo teórico-prático da especialidade Cosmoeticologia. Ética cósmica. A ética universal (Cosmoética) é a reflexão sobre os comportamentos pessoais e grupais, tendo como base ponderativa os pilares do paradigma consciencial, os valores evolutivos e os princípios cosmoéticos, com vistas à consolidação da “conduta cosmoética”, que é o “ato ou efeito do modo de agir, de se comportar ou de viver de alguém, conscin ou consciex, perante a teoria e a prática da Cosmoeticologia”. (Vieira, Waldo. Conduta Cosmoética. Verbete. Foz do Iguaçu: Enciclopédia da Conscienciologia. 2006. p. 6.336 a 6.338). Benefício. Foz do Iguaçu, com a abundância das energias imanentes, bem representada pelo patrimônio histórico da humanidade, as Cataratas do Iguaçu, propicia ambiente favorável à melhoria da pensenidade (pensamentos, sentimentos e energias) pessoal ao interessado em, cada vez mais, reeducar-se rumo à implementação de atitudes íntegras exemplaristas, com vistas à assistência alheia e sempre predisposto à tares (tarefa do esclarecimento). Afinal, “à consciência lúcida, a conduta cosmoética é a única maneira para se alcançar, em primeiro lugar, a condição da desperticidade e, mais tarde, o patamar evolutivo da serenologia”. (Vieira, Waldo. Idem). Abastança. A região oferece aos habitantes que nasceram e adotaram Foz clima favorável à concretização das boas práticas. Determinação. Congruente aos propósitos conscienciológicos, a equipe da COSMOETHOS escolheu a tríplice fronteira de região otimizadora das boas práticas: daqui para o Cosmos, do Cosmos para aqui. Feliz aniversário, Foz do Iguaçu. *Profa. Dra. Adriana de Lacerda Rocha.
Realizou estágio de pós-doutorado na UFSC – Universidade Federal de Santa Catarina.
Doutora em Direito também pela UFSC. Mestre em ciências jurídicas pela PUC-RJ.
Pesquisadora e professora voluntária da Conscienciologia.
Consultora jurídica pro bono da COSMOETHOS.
Coordenadora administrativa e de educação e pesquisa voluntária da COSMOETHOS.
Autora de livros na área de educação jurídica. Autora de artigos na área do Direito e também da Conscienciologia.
Endereço: Av. Felipe Wandscheer, 6.200, sala 104. Bairro Cognópolis. E-mail: contato@cosmoethos.org.br Site: http://www.cosmoethos.org.br Celular: (45) 99127-0880 Por: Adriana Rocha e Hegrisson Alves Foto: Kiko Sierich
Adriana Rocha

Possui estágio de pós doutorado pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), é Doutorada em Direito pela UFSC e Coordenadora Admin., Educação e Pesquisa na COSMOETHOS.

Deixe um comentário

Deixe a sua opinião