Combate à Covid-19 – Costa Cavalcanti faz treinamento de intubação e uso de Equipamento de Proteção Individual

O HMCC já treinou mais de 900 profissionais. Neste momento, os plantonistas da pediatria serão capacitados.

O Hospital Ministro Costa Cavalcanti (HMCC) está capacitando os pediatras plantonistas dos Pronto Atendimentos (respiratório e geral) sobre os procedimentos de Intubação Orotraqueal, e o uso de EPIs (Equipamentos de Proteção Individual). O treinamento é para a utilização de forma adequada desses equipamentos e, assim, evitar a contaminação durante o atendimento aos pacientes. As aulas iniciaram no dia 28 de abril e prosseguem até 8 de maio, com mais de 20 pediatras (divididos em diversos grupos pequenos). A capacitação está sendo ministrada pelo médico Dr. Origines Capellani, coordenador da UTI Pediátrica, e pelo enfermeiro da Educação Continuada Otoniel de Oliveira.

Como a síndrome gripal da covid-19 evolui para a insuficiência de oxigênio no sangue (hipoxemia), é necessário realizar a intubação orotraqueal. Trata-se de um procedimento de suporte avançado em que o médico, com um laringoscópio, visualiza a laringe e por meio dela introduz um tubo na traqueia.

“A alta transmissibilidade viral facilita a contaminação do ambiente e da equipe de saúde envolvida; por isso, o procedimento de intubação orotraqueal necessita ser feito de maneira rápida e sem múltiplas tentativas. Com isso se reduz o risco de contágio para os profissionais”, explicou Dr. Capelani.

Um diferencial importante nas capacitações é a abordagem por meio de metodologia ativa, na qual os profissionais são responsáveis pelo aprendizado juntamente com o instrutor, contribuindo dessa forma, com melhorias em seus processos de trabalho. Os treinamentos também são feitos por meio de simulação realística, testando em tempo real a viabilidade dos fluxos, os procedimentos operacionais descritos e a absorção do conhecimento.

Isso também possibilita adequar e melhorar a estrutura desenvolvida para o atendimento durante a pandemia. Após cada simulado, é aplicado o “DEBRIEFING”, uma ferramenta utilizada para potencializar o aprendizado, por meio da experiência de cada profissional treinado.

“Realizamos uma análise em profundidade de todos os resultados esperados do processo, objetivos ultrapassados, falhas observadas e o porquê ocorreram”, finalizou enfermeiro Otoniel de Oliveira.

Costa Cavalcanti faz treinamento de intubação.

Treinamento

Outros 900 profissionais já foram treinados nos meses de março e abril e agora prossegue para demais setores. Os cursos abordam paramentação e desparamentação dos EPI’s, intubação adulto e pediátrico e parametrização inicial da ventilação mecânica.

Fotos: Débora Black

Newsletter

Ama a tríplice fronteira tanto quanto nós? Assine a newsletter 100fronteiras e receba conteúdo exclusivo. Seu apoio aprimora nosso trabalho para que possamos ajudar a aprofundar sua conexão com Ciudad del Este, Foz do Iguaçu e Puerto Iguazú enquanto investimos no futuro do jornalismo local.

Participe da comunidade 100fronteiras

Apoiando o jornalismo local, você valoriza a sua cidade, seu estado e a integração dos três países. Nossa equipe está diariamente trazendo notícias da fronteira, apresentando novos lugares, histórias. Assinando você receberá conteúdos e promoções exclusivas.

Entre em nosso grupo do Whatsapp. Apoie a mídia local!

Nos encontramos lá, até mais!



Deixe a sua opinião