Federico González, assessor de Assuntos Internacionais da Presidência da República guarani, informou na quinta-feira (21) que diversos governos e organizações internacionais parabenizaram o Paraguai pelas medidas adotadas para conter o covid-19 e manifestaram interesse em replicar algumas das estratégias.

Gonzaléz, em conversa com a Rádio Cardinal 730, do Paraguai, indicou que governos como da Argentina, Colômbia e Estados Unidos elogiaram as medidas implementadas pelo país, que o colocam como um dos países com um dos menores índices de infecção e mortes pelo novo coronavírus.

“Nas videoconferências de chefes de Estado que são realizadas regularmente, a última foi realizada na terça-feira, os chefes de Estado reconheceram os esforços que o Paraguai vem fazendo e, há algumas semanas, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, entrou em contato com o presidente Mario Abdo Benítez e o parabenizou, e ofereceu uma doação de 250 respiradores que chegarão ao país nas próximas semanas.”

O ministro acrescentou que, na terça-feira passada, houve uma conferência da Comissão Interamericana de Direitos Humanos. “A Comissão Interamericana de Direitos Humanos reconheceu e parabenizou os esforços que o governo nacional está fazendo”, declarou o ministro consultivo Federico.

Disse ainda que os abrigos obrigatórios para compatriotas que entram no Paraguai do exterior receberam elogios de forças militares, policiais e civis. “Dos Estados Unidos, o comandante do Comando Sul contatou o comandante das forças militares para parabenizá-lo pelo trabalho e ver como está sendo feito, qual é a participação das Forças Armadas, qual o papel e como está sendo obtido. O comandante das forças militares colombianas também fez o mesmo, assim como o chefe de gabinete da Argentina.”

Ele também falou que essas conversas e reconhecimentos são um fato que motiva, que os faz aprender com a própria experiência, e ressaltou que “está valendo a pena”.

Comentários

Deixe a sua opinião