A Embio e a SuperMart, empresas incubadas no Parque Tecnológico Itaipu (PTI-BR), foram selecionadas para a segunda etapa do Programa Capital Empreendedor do Sebrae.

Os empreendedores vão participar de workshops para capacitação sobre os diferentes tipos de investimentos de riscos e, caso sejam selecionados para a última etapa, terão a oportunidade de apresentar seus projetos para investidores de todo o País.

Nesta, que é a terceira edição da iniciativa, o Sebrae tem a intenção de preparar 300 empresas brasileiras. A SuperMart, no último ano, foi uma das finalistas do Programa e em 2020 espera adquirir ainda mais conhecimentos e, quem sabe, uma aproximação maior com um investidor que auxilie a empresa a posicionar o negócio em um novo patamar.

A equipe do Centro de Empreendorismo e da Incubadora do Parque Tecnológico tem prestado todo o suporte para as duas empresas na elaboração da apresentação dos seus negócios, uma vez que, caso selecionadas, elas poderão participar de um circuito com demais startups do Brasil, instituições parceiras e potenciais investidores.

Conforme explica o diretor de Negócios e Inovação do PTI, Rodrigo Régis de Almeida Galvão, o Parque Tecnológico tem profissionais que monitoram as oportunidades disponíveis para os empreendedores, como editais públicos para captação de recursos voltados a projetos de inovação.

“Fazemos este trabalho para auxiliar as empresas incubadas conosco, mas também empreendedores que necessitem desse suporte, tanto para a identificação dessas oportunidades como para a elaboração dos projetos que serão submetidos”, afirma Régis.

Expectativa

O sócio da SuperMart, Márcio Scherer, conta que na última edição do Programa Capital Empreendedor a empresa ficou entre as três startups selecionadas do Paraná na etapa final. A SuperMart trabalha com e-commerce voltado, principalmente, para supermercados.

O objetivo dele com a segunda participação é adquirir ainda mais conhecimento e um investidor para dar força ao projeto.

“Ficamos na expectativa de que algum investidor goste da nossa ideia e venha conosco para o projeto, com capital, para que possamos acelerar nosso processo”, afirma Scherer.

A Embio, outra empresa incubada no PTI selecionada pela iniciativa, desenvolve soluções em forma de produtos e insumos orgânicos e sustentáveis, para o mercado do agronegócio e meio ambiente.

Deixe um comentário

Deixe a sua opinião