A mãe sempre é a maior referência feminina da filha. E com Manuela Balestreri não foi diferente. Ela sempre viu na figura da mãe Neiva Balestreri sua força e inspiração. Naturais do interior de Santa Catarina, na cidade de Caibi, elas sempre foram muito próximas, até que aos 14 anos a filha foi estudar em Curitiba e se separou fisicamente da mãe; algo que se intensificou quando ela foi cursar odontologia. Neiva, por outro lado, também aproveitou que os filhos ficaram mais velhos para pôr em prática um sonho antigo: cursar psicologia.

E mesmo parecendo que a vida das duas seguiria rumos diferentes, por atuarem em áreas diferentes, elas se reconectaram em Foz do Iguaçu, quando em 2016 juntas fundaram a Balestra – um centro de saúde integrado.

Neiva e Manuela Balestreri - Clínica Balestra
Neiva e Manuela Balestreri.

“Meu marido trabalha com agronegócios em Foz do Iguaçu a mais de 20 anos. Em 2014 vim com ele para cá e me apaixonei pela cidade. Nesta época eu tinha minha clínica em Caibi (SC) e estava cursando a formação em Sexualidade Humana. Por um período de mais ou menos um ano eu ficava uma semana em Foz e outra em Caibi até concluir meus atendimentos. Depois nos estabelecemos aqui definitivamente e com a chegada da Manuela decidimos abrir uma clínica integrada”, destaca Neiva.

A escolha por Foz do Iguaçu foi uma forma de estar mais perto da família e de poder trabalhar ao lado da mãe, a pessoa em quem Manuela sempre se espelhou. “Foi uma grande experiência, pois nunca tínhamos feito nada juntas em questão de negócios e está sendo incrível. Minha mãe foi minha inspiração para ir para a área da saúde”, comenta Manuela.

Ela se formou em odontologia em 2011 pela Univale em Itajaí (SC) e logo após passou a trabalhar numa clínica em Porto Alegre, onde antes fazia estágio. Lá começou a fazer cursos na área cirúrgica, que era com o que gostava de trabalhar. “Iniciei uma pós em bucomaxilofacial e fiz cursos de implantodontia. No entanto, fui trabalhar com um dentista referência em Porto Alegre e ele precisava de alguém que atuasse na área de  prótese dentária. Assim, por influência dele, eu tranquei a pós graduação de cirurgia e fiz pós de prótese dentária e sobre implantes. E me apaixonei”, destaca Manuela.

Essa mudança de área dentro da odontologia resultou em sua formação em reabilitação oral, o que lhe permitiu um outro olhar sobre a odontologia, não tratando o dente de forma unitária, mas sim de forma vinculada. Foi atuando nessa área que ela sentiu a necessidade de um trabalho mais integrado, focado na biologia do paciente. E quando veio para Foz do Iguaçu e decidiu ser sócia da mãe na Clínica Balestra, ela fez uma pós-graduação em harmonização facial,  formação na área de odontologia biológica, e desde então passou a inovar a odontologia iguaçuense. 

O que é a odontologia biológica?

A saúde bucal e a saúde do nosso corpo como um todo estão fortemente ligados. Para você ter uma ideia, há cerca de 3000 anos os chineses já haviam descoberto a conexão dos dentes com todos os sistemas e meridianos internos do nosso corpo.

O dentista que pratica a odontologia biológica enxerga a boca do paciente como um ambiente que influencia toda a saúde do indivíduo e que sofre reflexos de problemas nas outras partes do corpo. Com isso é possível entender que a boca vai muito além dos dentes, língua e gengiva… quaisquer desequilíbrio nessas partes pode causar consequências ao organismo todo e vice-versa.

Manuela Balestreri - Clínica Balestra

Mas afinal, na prática, qual a diferença entre a odontologia convencional e a odontologia biológica?

Dra. Manuela Balestreri esclarece: “Assim como um dentista convencional, o dentista biológico intervém em distúrbios estéticos, funcionais e anatômicos da boca e da face. A diferença é que, ao nos depararmos com uma irregularidade da saúde oral, investigamos suas causas subjacentes e buscamos as soluções que mais se adequam àquele paciente com menos efeitos colaterais. Por isso, a atenção não se restringe, simplesmente, aos motivos que levaram o paciente a procurar ajuda, como por exemplo uma cárie. Tratamos a saúde como um todo e não apenas um sintoma ou sinal isolado.”

Um outro grande diferencial da odontologia biológica é que durante todo tratamento odontológico a preferência é pela utilização de materiais biocompatíveis e tratamentos minimamente invasivos. Esse profissional avalia mais criteriosamente os efeitos que alguns procedimentos e materiais odontológicos têm sobre o organismo. Quando é possível, a opção recai sobre técnicas menos invasivas, traumáticas e até menos tóxicas.

Na Balestra, Dra. Manuela realiza os tratamentos centrados na odontologia biológica, ela relata “Cáries, doença periodontal e lesões da mucosa oral são abordadas com novas formas de diagnóstico e tratamento aqui na clínica. A remoção de amálgamas, aquelas restaurações metálicas antigas, são feitas com um protocolo seguro, para que o paciente e a minha equipe não inalem os vapores tóxicos do mercúrio, metal prevalente na composição desse tipo de restauração. As cirurgias odontológicas são realizadas com a associação de terapias alternativas, como a ozonioterapia, que promove a cicatrização mais rápida da ferida cirúrgica bem como uma potente ação antimicrobiana. Sempre que possível, optamos por trabalhar com materiais não tóxicos para o organismo, como o caso de implantes – dando preferência por materiais não metálicos e biocompatíveis.”

A descoberta de novas técnicas que auxiliam no tratamento de doenças bucais e consequentemente do corpo é uma busca constante da Dra. Manuela, que se mantém atualizada nos diferentes ramos da odontologia integrativa. “O corpo tem uma corrente elétrica que o mantêm em perfeito estado de saúde, que é conduzida pelas células do sistema nervoso. Existem vários fatores externos e internos que podem alterar essa corrente elétrica, provocando diversas doenças e sintomas. Que podem se manifestar na boca, nos dentes ou até mesmo em outra parte do corpo.”

O sistema nervoso pode ser danificado por um trauma ou cirurgia, por exemplo. Normalmente, se for uma pequena lesão, esse sistema pode responder bem e se recuperar. No entanto, quando a lesão é muito prejudicial ou prolongada, o sistema nervoso pode ser danificado indefinidamente. Quando isso acontece, surgem diversas sensações, como a dor, que não tem um foco visível a olho nu, nem cede a tratamentos normais. Aí entram as terapias que buscam restaurar a função normal do sistema nervoso, ajudando a reparar as lesões que ocorrem nessas vias de condução.

Manuela Balestreri - Clínica Balestra

Finalizando a nossa conversa, Dra. Manuela enfatiza: “O dentista que compreende o paciente como um todo, contribui para a melhor saúde bucal e vários outros benefícios ao longo da vida do indivíduo. Por isso, a odontologia biológica preza pela atuação do dentista não só relacionando os dentes, como também aos órgãos e o emocional, sempre com enfoque em melhorar o bem estar e a saúde integral. O trabalho que desenvolvo com meus pacientes é individualizado, baseado na história de cada um, mas totalmente integrado com o trabalho de outros profissionais de saúde, muitas vezes – por exemplo – conto com o apoio da minha mãe, psicóloga Neiva, que atua diretamente com a parte das emoções.”

Terapia de casais, famílias e sexualidade

Quando a Clínica Balestra foi criada, Neiva passou a atender em seu consultório, trabalhando com terapia de casais e famílias, e com sexualidade humana com habilitação em terapia sexual. Uma área que exige formação profissional qualificada. Hoje, Neiva é membro da SBRASH – Sociedade Brasileira de Estudos em Sexualidade Humana.

“Eu trabalho com temas referentes a conflitos conjugais, familiares e individuais. Temas referentes à sexualidade humana, disfunções e inadequações sexuais masculinas e femininas como: desejo, excitação e orgasmo, dispareunia (dor na penetração), vaginismo (dificuldade ou impossibilidade de penetração), aceitação da própria orientação sexual, ejaculação precoce, dificuldade de ereção, vício em sexo/pornografia”, entre outros, destaca.

Depois de concluir sua formação em psicologia e se especializar na área de terapia de casal e familiar sentiu a necessidade de ter uma formação em sexualidade, porque é uma demanda individual e principalmente de casais frequente na clínica . “A Organização Mundial da Saúde (OMS) considera a sexualidade como um dos pilares da qualidade de vida, porém, as pesquisas indicam que metade dos homens e mulheres têm alguma dificuldade em relação à sua sexualidade. A sexualidade é a energia de vida e nos acompanha durante toda a nossa existência, por isso, ter uma vida sexual plena e satisfatória influencia de forma positiva na saúde física e mental”.

Neiva Balestreri - Clínica Balestra

Ela comenta que apesar de ser uma área importante, pois norteia a vida das pessoas, falar de sexualidade ainda é um tabu. Para isso, ela ressalta a importância da terapia, como forma de tratar as disfunções sexuais psicogênicas.

Para terapia sexual, frequentemente, o cliente chega com encaminhamento de um profissional. Quando é ele mesmo que procura, o primeiro passo é identificar se a questão pode ter origem fisiológica e fazer os encaminhamentos quando necessário. Nestes casos o trabalho é realizado em parceria, pois mesmo que a origem da disfunção seja fisiológica geralmente afeta o emocional e as relações.

“O foco da terapia de casais e de famílias é a mudança dos padrões de funcionamento. A terapia vai auxiliar na comunicação, expectativas etc; e a construir ou reconstruir a conjugalidade. O principal objetivo é promover qualidade de vida. Ser casal é uma escolha diária e envolve um processo de amadurecimento pessoal de ambas as partes. Trabalhar de forma sistêmica é gratificante, pois qualquer mudança pessoal ou relacional resulta na percepção do indivíduo sobre o seu próprio comportamento”.

Neiva Balestreri - Clínica Balestra

O atendimento é focado para casais, mas Neiva ressalta que atende também de forma individual clientes adultos e adolescentes. E como a Balestra é uma clínica integrada, os pacientes que procuram a clínica, seja para um atendimento psicológico ou odontológico, encontram profissionais capacitados para tratá-lo como um todo, garantido a segurança dos tratamentos.

Clínica Balestra – Centro de Saúde Integrada

A clínica Balestra é um espaço que reúne profissionais das áreas de Odontologia, Psicologia, Ortopedia, Fisioterapia, Biomedicina (Ozonioterapia), e Enfermagem. Possui quatro salas, sendo duas odontológicas, uma de psicologia e uma para área médica.

Em comum, todos têm o objetivo de proporcionar atendimento humanizado e interdisciplinar. A Balestra além de todos os diferenciais relacionados aos tratamentos biológicos, também se destaca por sua tecnologia de ponta, conforto, procedimentos integrativos e visão do paciente como um todo.

“A Balestra é uma clínica integrada e a ideia sempre foi ter um espaço de atendimento onde as especialidades se conversassem. Então proporcionamos um ambiente confortável, acessível e prático onde prevenção, diagnóstico e tratamento,  são pautados pela sensibilidade, atenção e dedicação de todos os profissionais que aqui atendem”, explica Manuela. 

Manuela e Neiva Balestreri - Clínica Balestra

A odontologia biológica faz parte da medicina chinesa, onde por meio de um mapa biológico mostra a união entre a boca com o restante do corpo.

Neiva Balestreri - Clínica Balestra
Neiva Balestreri – CRP-08/23234. Cursou psicologia na URI – Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões – Frederico Westphalen (RS) em 2006. Tem formação em Terapia de Casal e Família pelo ELO – Centro de Estudos e Atendimento de Terapia Familiar e de Casal – Passo Fundo (RS). E formação em Sexualidade Humana com Habilitação em Terapia Sexual pelo IPHEM – Instituto de Pesquisas Heloísa Marinho – Rio de Janeiro.
É membro da SBRASH – Sociedade Brasileira de Estudos em Sexualidade Humana. 
Manuela Balestreri - Clínica Balestra
Manuela Balestreri – CRO/PR 25769. Formada em odontologia em 2011, pela Univali, de Itajaí (SC) I Implantodontia – ILAPEO I Toxina botulínica terapêutica I Aperfeiçoamento em implantodontia – ILAPEO I From Extration to Rehabilitation, ITI Education Week Porto Alegre 14 I Intensivo em prótese sobre implantes – ILAPEO I Estética avançada – IPENO I Restaurações cerâmicas – CwbDental Training I Soluções protéticas e manipulação de tecidos periimplantares em zona estética: um manejo biológico e reabilitador – CwbDental Training I Fisiologia hormonal e nanomedicina – French Society for Nanomedicine I Adequação nutricional e manutenção da homeostase – Lair Ribeiro I Protocoll – Instituto Tereza Scardua I Bioestimulador – Instituto Tereza Scardua I Odontologia biológica – Grupo Sintonia I Terapia neural e odontologia neurofocal I Osteoimunologia maxilomandibular e microssistema de acupuntura bucal I Microssistema de acupuntura bucal e MTC.

Endereço: Caesar Tower – Av. Pedro Basso, 472 – Alto São Francisco, Foz do Iguaçu

Telefone(45) 3525-4846 whatsapp ;991442458

Fotos: Iris Juana

Cabelo: Angélica Zol

Make-up: Claudia Soria

Formada em Jornalismo na UDC e pós-graduada em Relações Internacionais Contemporâneas na Unila, atualmente é jornalista da 100fronteiras e recentemente conquistou pela 100fronteiras o primeiro lugar no 1º Prêmio Faciap de Jornalismo.

Comentários

Deixe a sua opinião