Contato

+55 (45) 3025-2829

Whatsapp

+55 (45) 9118-2401

Foz do Iguaçu

Vietnã quer adotar sistema de transposição de peixes

Vietnã quer adotar sistema de transposição de peixes
100Fronteiras 100Fronteiras
23/05/2017 09:43hs

Vietnã quer adotar sistema de transposição de peixes semelhante ao de Itaipu


Comitiva do governo vietnamita esteve na Itaipu, na sexta-feira (19), para conhecer melhor a estrutura feita pela binacional.


Uma delegação oficial do Ministério de Meio Ambiente e Recursos Naturais do Vietnã visitou a Itaipu, na sexta-feira (19), para conhecer a usina – principalmente o Canal da Piracema. Os asiáticos quiseram saber mais sobre a solução encontrada pela Itaipu para permitir a migração dos peixes rio acima.

 

O Canal da Piracema tem dez quilômetros de extensão e liga o Rio Paraná, no trecho a jusante da usina, ao reservatório da Itaipu. Um dos maiores problemas atuais ligados à questão ambiental do Vietnã é a redução de estoque pesqueiro com a construção de hidrelétricas. A ideia é mitigar o desaparecimento de peixes com a instalação de sistemas de transposição e encontrar mais áreas apropriadas para a reprodução de peixes.

 

Já o Brasil tem potencial pesqueiro como poucos países do mundo. Isso se deve à quantidade de águas marítimas e continentais, entre elas os reservatórios de hidrelétricas, como o da Itaipu. A Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO) reconhece esse potencial, sustentando que o Brasil tem condições de, em poucas décadas, estar entre os maiores produtores de pescado do mundo.

 

Experiência de Itaipu

O grupo foi recepcionado por Alexandre Teixeira, assistente do diretor-geral brasileiro, Luiz Fernando Vianna. Fizeram parte da delegação o ministro adjunto de Meio Ambiente, Chu Pham Ngoc Hien; o diretor geral do Serviço de Meteorologia, Le Duc Trung, o ministro interino de Meteorologia e Hidrologia, Tran Hong Thai; e ministro interino do Departamento de Água e Recursos Hídricos, Chau Tran Vinh. Segundo Alexandre, Itaipu está sempre aberta para receber delegações interessadas em conhecer nossas boas práticas e também a compartilhar esse Know-how.

 

Eles assistiram ao filme institucional de Itaipu e visitaram o Canal da Piracema acompanhados da bióloga Caroline Henn, da Divisão de Reservatório da usina. O grupo almoçou no Porto Kattaramam e conheceu o Refúgio Biológico Bela Visita.

 

Canal

No Canal da Piracema também fica o Canal Itaipu, uma raia de águas bravas para a prática de esportes náuticos, como rafting e canoagem slalom. Os obstáculos naturais (blocos de pedra) e artificiais permitem a modulação das correntezas e a realização de competições internacionais.

 

Pescadores

Hoje, ao longo do reservatório existem mais de 850 pescadores residentes entre Foz do Iguaçu e Guaíra. Além deles, outras 30 famílias com mais de 600 índios, além de assentados da reforma agrária, ribeirinhos e pescadores amadores sobrevivem da atividade pesqueira no lago.

 

O Reservatório de Itaipu atualmente tem produzido cerca de 1.300 toneladas de peixes com a pesca artesanal. É o mais produtivo da Bacia do Paraná, com uma produção equivalente à da pesca artesanal de todo o Pantanal (1.200 toneladas, de acordo com a Embrapa Pantanal).

 

Assessoria

Leia também

PAS: qualidade e segurança na alimentação

PAS: qualidade e segurança na alimentação
Fotos: Patrícia Buche   A preocupação com os estabelecimentos comerciais como bares e restaurantes é grande. Isso porque, como se trata de lugares que oferecem alimentos, é preciso ficar atento não só à qualidade dos produtos como também à segurança dos...