Contato

+55 (45) 3025-2829

Whatsapp

+55 (45) 9118-2401

Foz do Iguaçu

Técnicos esclarecem perguntas frequentes sobre reforma da ponte da amizade

Técnicos esclarecem perguntas frequentes sobre reforma da ponte da amizade
100Fronteiras 100Fronteiras
27/01/2015 00:00hs

Durante a primeira semana de reforma da Ponte da Amizade foram apresentadas sugestões para diminuir o impacto da obra na fronteira. Parte das propostas já foi acatada e outra parte está em análise para definir a sua viabilidade. Mas algumas ideias foram desaprovadas por motivos técnicos. A Câmara Técnica de Segurança do Codefoz (Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social de Foz do Iguaçu) consultou os órgãos competentes sobre as perguntas frequentes feitas por diferentes setores da comunidade. De forma resumida, a CT divulga as respostas sobre os principais pedidos inviáveis. A reforma pode ser feita à noite? O consórcio CSO-Gaissler esclarece que o serviço não é realizado à noite porque o limitante de prazo não é a demolição, e sim o concreto –que depende de um período de cura de 28 dias por norma da ABNT. Assim, trabalhar à noite não adiantaria a obra, pois o prazo para cura do concreto seria o mesmo. Além disso, a passagem de caminhões durante a noite provoca uma vibração excessiva que prejudicaria a integridade do concreto. “Portanto, não é recomendável executar uma concretagem num período em que transitam os caminhões com carga”, explica o engenheiro Luiz Matsumoto Vargas.

Leia também

Conscienciologia promove chá retrocognitivo

Conscienciologia promove chá retrocognitivo
Texto: Denise Paro Fotos: Marcos Labanca/Jean Pavão   Apesar de ter sido introduzido na Inglaterra no século 17, por volta do ano de 1662, o hábito de tomar chá às 17h se firmou entre os ingleses somente no século 19, quando a duquesa de Bedford, Anna Maria Russel (1783-1857), inventou a...