Contato

+55 (45) 3025-2829

Whatsapp

+55 (45) 9118-2401

Eventos Sociais

Jovens no Peru discutem os desafios da América Latina

Jovens no Peru discutem os desafios da América Latina
Patrícia Buche Patrícia Buche
29/10/2015 14:00hs
Com o objetivo de levar experiência a atores políticos e empresários de diversos setores da sociedade, nos dias 27, 28 e 29 de agosto foi realizado o “Primeiro Encontro Internacional de Liderança e Empreendedorismo”.

O evento ocorreu na cidade de Pucallpa, no Peru, e contou com a presença do diretor da Revista 100 Fronteiras, Denys Grellmann, que foi convidado a palestrar.

Jesús Ibánez Ojeda, organizador do evento e presidente da Sociedade de Cooperação Latino-Americana e do Desenvolvimento (Socodela), ressaltou a importância do encontro. “Quisemos promover a participação dos cidadãos, reforçando assim a democracia e promovendo uma cultura de empreendedorismo, bem como desenvolver capacidades de organização de jovens e envolvê-los na preocupação de promover espaços de participação para a construção e promoção de nossa grande pátria chamada América Latina e Caribe.”

Reunindo representantes de diversos setores da sociedade, o encontro serviu ainda para estimular os jovens a participar dos debates. “Os jovens são aqueles que ajudam a transformar todos os processos sociais, econômico, político e também porque as oportunidades para os jovens são escassas. Então nós, da Socodela, tratamos de levar esses eventos para os jovens.”

O congresso, sem fins lucrativos, foi voltado para promover o compromisso social, integrando todos os países da América Latina e incentivando os jovens a despertar o talento e interesse por assuntos sociais, servindo assim para a transformação do mundo. Jesús lembrou ainda que foi a primeira vez que Pucallpa sediou um evento dessa natureza e que foi um sucesso.

Palestrantes internacionais: 19.

Países: Argentina, Bolívia, Brasil, Colômbia, Equador, Paraguai.

Palestrantes do Peru: 23.

Representantes: empresários, acadêmicos, embaixadores, deputados.

Realização: Universidade Federal de Integração Latino-Americana (Unila), Universidade Nacional Ucayali e Universidade Privada de Pucallpa.

Organização: Sociedade de Cooperação Latino-Americana e do Desenvolvimento (Socodela), Universidade Privada de Pucallpa e Marketing Global & Conselho de Notáveis.

Local: nos dias 27 e 29, as palestras foram realizadas no Hotel River. No dia 28, o evento foi aberto a todos os conferencistas e ocorreu no estádio Aliardo Soria.

Temas discutidos: "Capacitação de Investimento para Projetos Internacionais"; "Gerenciamento de Projetos para Empreendedores"; "Inteligência de Mercado "; "Exportação e Importação"; "Liderança e Empreendimentos Comunitários”; "Estratégias Empresariais para Empreendedores"; "Bolsa Internacional"; "Projetos Produtivos ", entre outros.

Palestrantes presentes: deputada Carla Prieto (Argentina); embaixador itinerante de Assuntos Estratégicos, Dr. Ramon Torres Galarza (Equador); deputada Mg. Alicia Canqui (Bolívia); Dr. Juan Campos Baca (Peru); Dra. Angélica Herrera Muñoz (Colômbia); o jornalista Denys Grellmann da Revista 100 Fronteiras (Brasil); Kilder Fuentes, integrante da equipe de reeleição do Barack Obama para votos latinos e atualmente participa da campanha de Hillary Clinton.

A equipe técnica da Socodela foi liderada por Jesús Ibánez Ojeda, Marcelo Duarte e acadêmico Juan Espinoza Orgaz. Da Universidade Federal da Integração Latino-Americana (Unila), participou o Dr. Pedro Staevie.

Conheça Pucallpa, no Peru

Pucallpa fica mais próxima a Rio Branco, capital do Acre, do que Lima, capital do Peru. A diferença é o acesso: viagem ao Brasil, somente de avião. O turista mais aventureiro vai apaixonar-se com a biodiversidade exótica, povo amigável e culinária única. A temperatura se parece muito com a de Foz do Iguaçu no verão, o que muda é o clima mais úmido e as frequentes correntes de vento. O principal transporte da cidade é o motocoche, uma moto adaptada com cabine para três lugares – o custo é baixíssimo. O must see da viagem fica por conta do passeio de barco no lago de Yarinacoha, com direito a visitas a tribos indígenas, foto com a cobra anaconda, além da fauna e flora da amazônia – a duração é de um dia inteiro. À noite a dica fica para a rua Jirón Inmaculada, com boas opções de bares e restaurantes. Se você precisa de um motivo para ir, pode ter uma certeza: você vai surpreender-se.