Contato

+55 (45) 3025-2829

Whatsapp

+55 (45) 9118-2401

Foz do Iguaçu

Diálogos 100 Fronteiras

Diálogos 100 Fronteiras
100Fronteiras 100Fronteiras
26/01/2015 00:00hs

O objetivo era simples, discutir e refletir o futuro de Foz do Iguaçu e assim foi feito. Com palestrantes vindos de Curitiba, São Paulo, Medianeira, além de nomes fortes da região, todos os participantes foram convidados a pensar no município desejado, não apenas para o centenário, mas sim, para os anos que seguem. Antes mesmo do grande dia chegar, o sucesso já era previsto, afinal de contas as inscrições tiveram de ser encerradas três dias antes, pois as vagas disponíveis já haviam sido preenchidas. A tarde do dia 17 de maio de 2014 certamente ficará marcada na história da Terra das Cataratas, pois contemplou os munícipes apresentando a visão de diferentes setores da economia e os seus impactos na realidade de Foz. Dialogando Os oito palestrantes convidados estiveram presentes e abordaram temas pertinentes a diferentes segmentos. Presidente do Codefoz e vice-presidente da Acifi, Danilo Vendrúscolo, apresentou a essência do Conselho de Desenvolvimento de Foz do Iguaçu(Codefoz), além de projetar o futuro da cidade. O superintendente de comunicação social da Itaipu e presidente do Fundo Iguaçu, Gilmar Piolla, trouxe as perspectivas do turismo e as suas influências para o desenvolvimento local. Compartilhando a sua história de vida e apresentando ações que geram resultados, o membro de Conselho Estadual de Políticas Sobre Drogas, Diogo Busse, levantou a discussão das políticas sobre drogas e indagou os caminhos certos a serem seguidos. Já o Prefeito de Foz do Iguaçu, Reni Pereira, apresentou aos participantes os novos projetos pelos quais a cidade caminha. Pensando no futuro educacional do município, o diretor-presidente da Uniamérica, Ryon Braga, discutiu o ensino e ressaltou o desenvolvimento da cidade rumo a consagração de se tornar um polo educacional.

Pensando na importância de cooperar, o presidente da Sicredi Vanguarda PR/SP Luiz Hoflinger refletiu sobre os impactos positivos das cooperativas na região. A comunicação também esteve em pauta através da fala do redator-chefe da revista Carta Capital, Sergio Lirio, que deixou em voga a questão do receptor de notícias, atualmente, também ser um produtor. Sendo as crianças o futuro de uma nação, o líder comunitário Ronaldo Cáceres dividiu com todos os presentes os desafios de atuar no terceiro setor, através do projeto “Um chute para o futuro”. Novos passos Com o sucesso da iniciativa comentada na mídia e nas redes sociais, o Diálogos 100 Fronteiras já se prepara para o ano que vem, afinal de contas o ciclo de palestras continua. Em 2015 um novo tema será eleito, porém, sempre tendo como base, o desenvolvimento local. Toda a trajetória do Diálogos poderá ser conferida através da edição impressa da Revista 100 Fronteiras, que em junho será especial em comemoração ao centenário da Terra das Cataratas. Na edição 105 a Revista trará a Foz do Iguaçu do passado, presente e futuro, sendo que a última abordará os resultados do Diálogos 100 Fronteiras. Premiação A comemoração do centenário da cidade irá se estender em outubro, quando a Revista 100 Fronteiras completa 10 anos de circulação ininterrupta. Como forma de comemorar essa data histórica e tantas coincidências que trazemos desde o começo do ano, haverá a entrega da primeira edição do “Prêmio 100 Fronteiras – Destino Iguaçu”. A grande festa promovida pela Revista 100 Fronteiras terá repercussão internacional, e com luxo e glamour irá premiar as seguintes categorias: Turismo, Empreendedorismo, Mulher e Personalidade. Com o apoio da Associação das Mulheres do Turismo de Foz do Iguaçu (AMUTUR) e sociedade trinacional, esse será mais um presente do meio de comunicação, não apenas para o centenário da cidade, mas também, para toda a região da tríplice fronteira.

Leia também

Poliambulatório inaugura novo espaço

Poliambulatório inaugura novo espaço
No Brasil, boa parte das crianças e adolescentes com distúrbios comportamentais, transtorno de aprendizagem e alterações do desenvolvimento é diagnosticada tardiamente. Pouquíssimas informações ou treinamentos nesta área são disponibilizados aos profissionais da Saúde...